SportsManaus
FUTEBOL FUTEBOL AMAZONENSE

Após três jogos sem vencer, Manaus vira em cima do Campinense-PB por 2 a 1 fora de casa pela Série C

O Gavião do Norte volta a vencer na Série C e soma três pontos importantes em busca da vaga na próxima fase.

Foto: Divulgação / Manaus FC

Após três jogos sem vencer, o Manaus venceu de virada o Campinense-PB por 2 a 1, e deu sobrevida ao técnico do Gavião do Norte, ameaçado de cair, mas principalmente mais motivação para o grupo em busca da vaga na segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série C. O resultado deixou o Gavião do Norte, na mesma posição em nono lugar, mas agora com 16 pontos, uma posição abaixo da zona de classificação do G8. A partida pela 10ª rodada, foi realizada na tarde deste sábado (11), no Estádio Amigão, em Campina Grande.      

Pela 11ª rodada, o Manaus volta a jogar em casa e enfrenta o Figueirense-SC, no sábado, 18/6, às 17h (18h de Brasília), na Arena da Amazônia, na capital amazonense. Sem vencer há oito jogos, o Campinense, com nove pontos, na zona de rebaixamento, vai sair de seus domínios para encarar o Confiança-SE, no sábado, às 16h (17h de Brasília), no Estádio Batistão, em Aracaju.

Jogo

Em situação delicada na tabela, o Campinense saiu para propor seu jogo em busca do resultado positivo. Já o Manaus, vindo de uma sequência de três jogos sem vencer, procurou sair, mas esperando seu adversário.

O Gavião do Norte teve o lance mais perigo no primeiro tempo, aos 10 minutos. Rayne, cobra tiro de canto pela esquerda e Luiz Felipe toca de cabeça no canto esquerdo do goleiro Mauro Iguatu da Raposa.

Aos 13 minutos, o Campinense chegou ao seu primeiro gol. Pela meia esquerda, Felipe Ramon cruza no segundo pau e Olávio sobe para cabecear fulminante sem chances para Matheus Inácio, 1 a 0.

O Manaus saiu mais para o jogo para tentar o empate. Aos 19 minutos, em cobrança de falta, Renanzinho bate no canto esquerdo e o goleiro Mauro Iguatu toca na bola e evita o empate.

Aos 28 minutos, o Gavião do Norte chegou ao empate. Pela direita, Weriton cruzou na área para Felipe Baiano. O jogador disputa com zagueiro a bola, que sobra para o zagueiro Claudinho bater sem chances para o goleiro da Raposa, 1 a 1.

Na sequência, aos 30 minutos, a Raposa subiu rápido no contra-ataque e Luiz Fernando de longe solta um balaço, mas o goleiro Matheus Inácio defende no canto esquerdo para fechar a meta do Manaus.

Segundo tempo

O segundo tempo foi decisivo de ambos os lados, mas com um jogo bem aberto. Aos oito minutos, Felipinho cruza pela direita na área e Hugo Freitas chuta, mas sem muita força para meta do goleiro Matheus Inácio.

O Campinense aos 10 minutos, assustou o goleiro Matheus Inácio. Em cobrança de falta, Dione bate forte, mas para boa defesa do arqueiro do Gavião do Norte.

Em uma boa subida do Gavião pela esquerda, aos 16 minutos, Roney cruza na área e Guilherme Pira sobe mais alto, mas o zagueiro do Campinense pressiona para o atacante não tentar o cabeceio e a bola é afastada pela zaga da Raposa.

Aos 23 minutos, a Raposa teve uma grande chance de marcar o segundo gol. Pela esquerda, Emerson vira o jogo para da direita para a esquerda com Dione, que domina e bate de canhota com perigo no ângulo esquerdo e quase marcou.

A Raposa continuava no ataque para marcar o segundo gol. Aos 30 minutos, tiro de canto pela esquerda para Filipe Ramon tocar de cabeça para Jeferson Lima na pequena área e quase marcou.

O Gavião também tentou buscar marcar o gol de desempate. Aos 39 minutos, Guilherme Pira em jogada individual pela esquerda chuta um balaço, o goleiro Mauro Iguatu rebate para frente da área e João Denoni no rebote chuta por cima da meta e perdeu o gol praticamente feito.

Aos 44 minutos, por pouco o Gavião não marcou seu segundo gol. Pela esquerda, Guilherme Pira chutou, mas o goleiro se esticou todo e defendeu. Mas não demorou muito, aos 45 minutos, pela direita Weriton cruzou na área e Alvinho entrou para tocar para o fundo das redes do goleiro Mauro Iguatu, 2 a 1.

Ficha técnica:

Data: 11/06/2022 – sábado

Jogo: Campinense-PB 1×2 Manaus

Motivo: Campeonato Brasileiro da Série C – 1ª fase / 10ª rodada

Local: Estádio Amigão – Campina Grande/PB

Horário: 15h (16h de Brasília)

Público: —

Renda: —

Árbitro: Emerson Ricardo de Almeida Andrade (BA)

Árbitros Assistentes: Edevan de Oliveira Pereira (BA) e Daniella Coutinho Pinto (BA)

Gols: Olávio 13 min 1ºt (Campinense-PB) e Claudinho 28 min 1ºt e Alvinho 45 min 2ºt (Manaus)

Advertências: Magno, Michel e Juninho, (Campinense-PB) e Rogério, Claudinho, Silvano e Guilherme Pira (Manaus)

Expulsão:

Campinense-PB: Mário Iguatu, Felipinho (Juninho), Michel, Cleiton, Filipe Ramon (Hugo Freitas), Magno (João Paulo), Jeferson Lima, Dione (Pedro Henrique), Luiz Fernando (Erick Puga), Olávio e Emerson. Técnico: Ranielle Ribeiro.

Manaus: Matheus Inácio, Weriton, Paulo Sérgio, Claudinho, Rayne (Denoni), Renan Luís, Rogério, Felipe Baiano (Guilherme Pira), Renanzinho (Roney), Luiz Felipe (Silvano) e Ibiapino (Alvinho). Técnico: Evaristo Piza.

 

 

Outras postagens...

Em jogo com duas viradas, Grêmio perde para o Mirassol e é eliminado na Copa do Brasil

Paulo Rogério

“Estamos concentrados e determinados”, disse técnico do Rio Branco-AC sobre jogo decisivo com Manaus pela Série D

Paulo Rogério

Entenda o que pesou no Flamengo para o acerto com Paulo Sousa

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol