full screen background image

Carlitos Tévez dá mais uma declaração digna de polêmica na Argentina

39

Da redação do SPORTSMANAUS, com informações de Alberto Barbosa – LANCE

Foto: AFP

Depois de confirmar seu retorno ao Boca Juniors no início desse ano, o atacante argentino Carlitos Tévez tem causado bastante furor não necessariamente com gols e boas jogadas dentro de campo nos treinamentos e amistosos, mas sim quando tem a palavra.

Ainda no início da semana, o atacante não teve qualquer pudor em dizer que não esteve em seu nível máximo de dedicação no futebol da China vestindo a camisa do Shanghai Shenhua mesmo sendo um dos mais bem pagos do país.

A sinceridade foi tamanha que ele utilizou a seguinte expressão: “Passei sete meses de férias na China.” Além disso, Carlitos chegou a dizer que “Quando aterrissei na China, me dei conta de que queria voltar ao Boca Juniors.”

Agora, o trecho da mesma entrevista dada pelo avante do Boca que tem repercutido de maneira bastante negativa no país foi quando ele comentou sobre a maneira que tem criado seu filho Lito, de somente três anos de idade.

Para ele, a importância de levar seu filho ao bairro de Fuerte Apache, local conhecido como de altos índices de violência onde Tévez passou boa parte da infância, é essencialmente para que ele não se torne homossexual:

“Levo o Lito ao bairro comigo. Ele é menino, mas… imagina. A mãe, os avós, ele é o único menino. Se não levo ao bairro para que lhe deem uns tabefes, ele desmunheca.”



EDITOR - Paulo Rogério Veiga, comunicador esportivo, repórter, radialista e agente business de jogadores e treinadores. Contato 55+ (92) 99171-9226 vivo/watsap / 55+ (92) 98193-1304 tim/watsap. Email: pauloreporter@hotmail.com / pauloimprensa@gmail.com Leia mais em sobre o editor clicando aqui.