SportsManaus
FUTEBOL FUTEBOL INTERNACIONAL

Chelsea abre 3 a 0, mas Vinicius Jr. e Rodrygo tiram Real Madrid do buraco e colocam merengues na semifinal da Champions

Da Redação do Sports Manaus, com informações – ESPN.com.br

Chelsea abriu 3 a 0, mas Real Madrid diminuiu para 3 a 2, nesta terça-feira (12), e avançou na Champions League mesmo com derrota

Foto: EFE/Sergio Pérez

Em um jogo que vai ficar na história do futebol, o Real Madrid perdeu por 3 a 2 para o Chelsea, nesta terça-feira (12), no Santiago Bernabéu, mas avançou à semifinal da Champions League, com 5 a 4 no placar agregado, já que havia vencido em Stamford Bridge por 3 a 1.

A partida em Madri foi completamente insana, já que os Blues amassaram durante praticamente todo o tempo regulamentar, fazendo 3 a 0 (gols de MountRüdiger Werner) e ainda tendo um gol de Marcos Alonso anulado de forma bastante polêmica (leia mais abaixo).

No entanto, o técnico Carlo Ancelotti fez mexida decisiva, colocando o atacante Rodrygo em campo. Praticamente em seu primeiro toque na bola, o brasileiro chapou um lindo cruzamento de três dedos de Modric e balançou as redes, forçando a prorrogação.

No tempo extra, coube a outro “brazuca” tirar de vez os blancos do buraco.

Aos 6 minutos da 1ª etapa da prorrogação, Vinicius Jr. fez jogadaça pela esquerda e cruzou com perfeição na cabeça de Benzema, que testou firme para fazer 3 a 2.

Depois disso, o Chelsea, atual campeão da disputa, partiu com tudo para o ataque, em busca do gol que lhe daria a classificação. Havertz e Jorginho, inclusive, perderam chances claríssimas livres na área merengue.

E, assim, o placar não se alterou mais, mesmo com os ingleses terminando a partida com incríveis 28 finalizações.

Com isso, os Blues lamentam a vitória mais dolorida de sua história, enquanto o Real Madrid terminou comemorando sua derrota mais doce em todos os tempos.

Situação do campeonato

Com o resultado, o Real Madrid, 13 vezes campeão da Champions, segue na competição:e agora aguarda o vencedor de Atlético de Madrid x Manchester City.

Já o Chelsea tenta sacodir a poeira e foca na disputa no restante da Premier League e nas semifinais da FA Cup até o final da temporada.

Os caras: Vinicius Jr. e Rodrygo

O Real Madrid tem que agradecer muitos seus jovens atacantes brasileiros pela classificação desta terça.

Rodrygo foi diretamente responsável por salvar o Real Madrid no tempo normal e forçar a prorrogação.

Com uma finalização de enorme classe, o “Rayo” diminuiu o prejuízo merengue para 3 a 1 e mandou o confronto para o tempo extra.

Na prorrogação, Vinicius Jr. mostrou enorme personalidade para passar pela marcação do Chelsea e decidir o jogo.

Com um cruzamento feito “com a mão”, o ex-flamenguista mandou na cabeça de Benzema, que decidiu a vaga.

Foi mal: Setor defensivo do Real

Se Rodrygo e Vinicius Jr. salvaram o Real Madrid, a defesa merengue quase colocou tudo a perder.

Durante 80 minutos de jogo, a linha defensiva do Real e o volante Casemiro tomaram um verdadeiro baile dos Blues.

O lance que deixou isso mais claro foi o golaço de Timo Werner, o 3º da equipe inglesa.

Após receber enfiada completamente livre, ele deixou Casemiro no chão, tirou Alaba com um corte e mandou para as redes.

Polêmica em anulação de gol

No meio do 2º tempo, o Chelsea chegou a fazer 3 a 0 em cima do Real Madrid, com um belo gol do lateral Marcos Alonso. No entanto, o VAR anulou o tento, alegando que o espanhol conduziu a bola com a mão na jogada. E aí, fã de esporte, foi justo?

Próximos jogos

O Real Madrid volta a campo neste domingo (17), às 16h (de Brasília), contra o Sevilla, por LaLiga, com transmissão pela ESPN no Star+.

Já o Chelsea também joga domingo, mas às 12h30, contra o Crystal Palace, pela Premier League, com transmissão pela ESPN no Star+.

Ficha técnica

Real Madrid 2 x 3 Chelsea

GOLSReal Madrid: Rodrygo [80′] e Benzema [96′] Chelsea: Mount [15′], Rüdiger [51′] e Werner [75′]

REAL MADRID: Courtois; Carvajal, Nacho (Lucas Vázquez), Alaba e Mendy (Marcelo); Casemiro (Rodrygo), Kroos (Camavinga) e Modric; Vinicius Jr. (Ceballos), Valverde e Benzema Técnico: Carlo Ancelotti

CHELSEA: Mendy; Reece James, Thiago Silva, Rüdiger e Marcos Alonso; Kanté (Ziyech), Loftus-Cheek (Saúl) e Kovacic (Jorginho); Mount, Havertz e Werner (Pulisic) Técnico: Thomas Tuchel

 

 

Outras postagens...

Em novo sorteio das oitavas de final da Champions League, Real Madrid encara Paris Saint-Germain

Paulo Rogério

Argentina mostra superioridade diante do Uruguai e vence a primeira na Copa América

Paulo Rogério

Vinicius Jr. após gol: ‘A gente precisava dessa vitória’

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol