full screen background image

Com passagem pelo Naça, diretoria contrata Wladimir Araújo para o comando do Manaus

242

Campeão pelo Interporto na 1ª divisão de Tocantins e recentemente da terceira pelo Abecat de Catalão-GO, o goiano Wladimir Araújo, 48, é o novo treinador do Manaus para disputa de quatro competições ano que vem: Campeonato Amazonense da Série A, Copa Verde, Copa do Brasil e Brasileiro da Série D.

O comandante trabalhou no Nacional, no Campeonato Amazonense em 2009, ficando apenas dois meses, quando resolveu sair para aceitar uma proposta melhor do Crac-GO. De Goiânia, sem medir palavras, ele disse ao SPORTSMANAUS, que vem para o Gavião do Norte para fazer história.

– Quero levar o Manaus ao bicampeonato regional ano que bem, assim como, levar a equipe ao título da Copa Verde e realizar uma campanha positiva na Copa do Brasil. Posso dizer que o maior objetivo é conquistar o acesso da equipe a 3ª divisão ano que vem – completou.

Para ele, o fato de conhecer muito bem o presidente do clube, Giovani Silva e o Luís Mitoso, facilita o trabalho. Para ele, foi importante a participação deste ano no Brasileiro da Série D, pois consolida todo um trabalho realizado durante o ano.

– Já conheço muito bem o Giovani e o Mitoso. Pela Série D esse ano, fiz uma boa campanha no comando do Gurupi-TO, quando eliminei o Fast Clube e o Princesa do Solimões – disse.

Segundo Wladimir Araújo, ele chega a Manaus dia 8 de dezembro para iniciar dia 10 a pré-temporada. Já ciente de que enfrentará o Nacional, na abertura do Estadual, disse que será um grande jogo, pois do outro lado tem uma equipe de nome e tradição.

Dados

Wladimir Ferreira de Araújo, 48 anos, foi jogador e atuou como zagueiro com passagem pelo Goiás, Vila Nova, Marilia, Mogi Mirim, São Jose, Anápolis e Anapolina. Como jogador foi vice-campeão da Copa do Brasil em 1990; bicampeão goiano em 1990 e 19991, em Goiás; campeão Brasileiro da Série C em 1996; bicampeão goiano em 2000 e 2001, pelo Vila Nova; campeão paulista da Série A-2, pelo Marília, em 2002 e vice campeão Brasileiro da Série C em 2002. Começou como treinador no Marilia em 2005, na Série B, passando ainda pelo Anapolina, Sampaio Correia, Nacional-AM, Atlético Goianiense, Aparecidense (2010 divisão de acesso), Goiás, Vila Nova, Craque, Anapolis (2012 campeão da divisão de acesso e 2015 vice campeão), Caldas Novas Atlético Clube (campeão da divisão de acesso 2014), Interporto (campeão tocantinenses deste ano da primeira divisão), Gurupi e Abecat de Catalão (vice campeão da 3ª divisão com acesso para segunda).



EDITOR - Paulo Rogério Veiga, comunicador esportivo, repórter, radialista e agente business de jogadores e treinadores. Contato 55+ (92) 99171-9226 vivo/watsap / 55+ (92) 98193-1304 tim/watsap. Email: pauloreporter@hotmail.com / pauloimprensa@gmail.com Leia mais em sobre o editor clicando aqui.