SportsManaus
FUTEBOL AMAZONENSE

Copa das Cachoeiras: equipes de RR, PA, Guiana Inglesa e Venezuela engrandecem evento no AM

Foto: Divulgação/Escola de Futebol Menor Monagas

Considerado um dos maiores eventos de base do futebol amazonense em tão pouco tempo, a Copa das Cachoeiras, que inicia nesta sexta-feira, 1º de fevereiro e vai até domingo, no município de Presidente Figueiredo (a 117 km da capital), nas categorias sub-13, sub-15 e sub-17. A competição conta com equipes de outros estados e mais duas de fora do país, a Rupununi, da Guiana Inglesa e a Escola de Futebol Menor Monagas “Professor Antonio Mejía Altamirano”, da Venezuela.

De acordo com o idealizador e coordenador Mozart Carlos, o evento conta no Brasil com equipes de Roraima e Pará, além da participação das estrangeiras, ficando agora com uma conotação internacional. Para ele, a presença de outros clubes só constata o crescimento da Copa.

– É uma proporção que sabíamos que cedo ou mais tarde atingiríamos. Somos considerados hoje a maior e melhor competição de futebol de base do Amazonas. Logo, seremos uma referência no norte do País. As equipes estrangeiras só confirma que a Copa se tornou uma competição fundamental para base do norte do Brasil, principalmente para o município de Presidente Figueiredo, em relação a sua economia aquecida e opções de entretenimento – comentou.

Primeira vez

Feliz de participar pela primeira vez da competição, Luís Rojas, de 38 anos, jornalista, publicitário e secretário geral da Escola de Futebol Menor Monagas “Professor Antonio Mejía Altamirano”, da Venezuela, disse que a expectativa é grande dos garotos de disputar o evento no Brasil.

– Estamos muito animados para participar, os pais fizeram um grande esforço para garantir que seus filhos possam competir na Copa das Cachoeiras pela primeira vez. Essa competição serve como preparação para a temporada 2019 do nosso país. Nossos jogadores estão sempre dispostos a dar tudo para ganhar, sempre ter que jogar de forma competitiva e demonstrar talento – concluiu.

Mais uma participação

Campeão no sub-18 e sub-16 e terceiro no sub-14, o São Raimudo-RR vem para mais uma edição da Copa das Cachoeiras com vontade de vencer e mostrar os talentos que brilham no futebol roraimense. Para o treinador Beto Vieira, 45 anos, no comando do Mundão, desde 2011, ele destacou a importância das escolas de futebol de outros estados e em âmbito internacional.

– Esse ano é diferente, o Mozart Carlos é nosso amigo e fez um questionamento sobre a possiblidade de entrarmos em contato com os países vizinhos. Mostramos o produto da Copa das Cachoeiras, algumas pessoas acharam interessante, percebemos que a credibilidade vem aumentando a cada dia pela transparência que o organizador leva a competição. Acreditamos que esse ano será diferente, onde a competividade será elevada, e a cada ano vem melhorando a competição. 

Outras postagens...

Manaus FC anuncia contratação do lateral-esquerdo Vandinho

Paulo Rogério

Ídolo máximo do Gavião, Hamilton deixa o clube para atuar no Mundo Árabe

Paulo Rogério

MANAUSFC apresenta novo reforço para a Série C do Brasileiro

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...