Corinthians espera, mas vê Vasco decidido a manter Leandro Castán

94

Da redação do SPORTSMANAUS, com informações da GAZETA ESPORTIVA – Tomás Rosolino – São Paulo, SP

Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br

O Corinthians segue à espera de uma sinalização do estafe de Leandro Castán para dar seguimento ao seu interesse no jogador, mas pouco confia nisso. Ainda que o pai e empresário do atleta, Marcelo, assegure que a mudança do filho para São Paulo pode acontecer, o clube do Parque São Jorge tem clara a mensagem de que o Vasco não vai se desfazer do defensor.

Chegou ao Timão que o presidente do Vasco, Alexandre Campello, impulsionado pela reação ruim da torcida ao saber que poderia perder seu capitão sem ganhar praticamente nada para 2019, fechou as portas para o negócio. O entendimento dos vascaínos é de que Castán, apesar de ter facilitado a chegada ao Cruz-Maltino no meio do ano, também deve ao clube pelo ressurgimento no futebol.

Em apenas quatro meses no Rio, Castán jogou 15 partidas, mais do que em todo o ano de 2017, por exemplo. O Gigante da Colina acredita que abriu as portas quando o jogador precisou e que, neste momento, merece tê-lo por mais tempo ou receber uma boa compensação pela sua saída. O Timão, porém, não tem interesse em envolver nomes como o atacante Clayson, desejado pelos cariocas.

– Sim, ainda há (negociação com o Corinthians), mas sem novidades por enquanto”, disse o pai e empresário do atleta no domingo, em rápido contato com a Gazeta Esportiva. Castán usou o seu Twitter para reagir à reportagem, dizendo que “não negocia com ninguém.

A negociação com o Vasco, revelada durante o amistoso de despedida de Emerson Sheik, na Arena, era tratada como viável pela idade e tempo de vínculo do jogador, válido apenas até dezembro de 2019. Havia confiança de que, por ter abdicado de alguns valores na chegada ao clube carioca, Castán teria mais facilidade para romper a ligação com o Cruz-Maltino, algo que não se comprovou.

Além da Libertadores da América de 2012, Castán também conquistou o título do Campeonato Brasileiro com o Alvinegro, em 2011, e deixou o clube bastante valorizado ao ser transferido para a Roma, dias depois da conquista continente. Atualmente, as opções no setor são os jovens Léo Santos e Pedro Henrique, além dos experientes Henrique e Marllon.



Paulo Rogério

I live in Brazil, in the city of Manaus, which hosted 2014 World Cup matches, the Olympic 2016 men's and women's football tournament. I'm Paulo Rogério Veiga, 51, a reporter, journalist and owner of sports portal www.sportsmanaus.com.br. I would like to inform you that I have received material from FIFA for 35 years, in addition to Conmebol and UEFA. I have also been editor of globoesporte.globo.com/am/ portal. I am working as a press and publicity advisor to leverage your company, product, brand, your soccer career, whether player, coach, club, manager, any professional that Works and conducts business in football. I am a professional / base player agent and a soccer coach. I have contact with agents, international agencies, academies, intermediaries, scoutings, among others in Brazil and in world football, including with signed contract. Another work I do is to attract potential investors to sponsor clubs in Brazilian football, which seek to gain their place in the regional, national and even international scenario. Contact us. E-mail: paulo.imprensa@hotmail.com pauloimprensa@gmail.com Contact: +55 (092) 3629-0651 (office) +55 (092) 99171-9226 (live / watsapp). Leia mais em sobre o editor clicando aqui.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.