SportsManaus
FUTEBOL FUTEBOL INTERNACIONAL

Corinthians perde do Always Ready na estreia da Libertadores

Da Redação do Sports Manaus, com informações da GAZETA ESPORTIVA – São Paulo, SP – 05-04-2022 23:24:25

Foto: Reprodução / Facebook / Always Ready

Corinthians foi até o estádio Hernando Siles, em La Paz, com uma estratégia para tentar burlar a altitude em sua estreia na Copa Libertadores de 2022. Porém, com um gol no início de cada tempo, acabou perdendo para o Always Ready por 2 a 0.

Aos oito minutos, o lateral João Pedro, que atuou no lugar do lesionado Fagner, cometeu pênalti em Flores, convertido por Riquelme. Assim, o Timão, apesar das tentativas e de ter sido melhor durante os 45 minutos, não conseguiu chegar ao empate.

No retorno do intervalo, nem com um minuto de partida, Ramallo tirou de Cássio e ampliou, sem o torcedor nem poder comemorar a reestreia de Maycon, Filho do Terrão, que entrou no lugar de João Pedro. Os donos da casa ainda puderam ampliar, mas não conseguiram.

No outro jogo do grupo E, Deportivo Cali venceu o Boca Juniors também por 2 a 0 na Colômbia. Dessa forma, o Always Ready é o líder da chave, seguido pelo Deportivo, enquanto o Alvinegro ocupa a lanterna.

Agora, o Corinthians se prepara para sua estreia no Campeonato Brasileiro, que acontece no domingo, diante do Botafogo, no Nilton Santos, às 16h (de Brasília). Depois, na quarta, recebe o Deportivo Cali, pela segunda rodada da Libertadores, buscando sua recuperação.

O jogo

O Corinthians começou bem, com certa facilidade de chegar na entrada da área, principalmente com Du Queiroz. No entanto, João Pedro, escalado no lugar de Fagner, lesionado, não conseguiu parar Flores e, de forma infantil, cometeu pênalti no jogador. O camisa 9 Riquelme cobrou bem e abriu o marcador com apenas oito minutos.

Na jogada seguinte, novamente Du recebeu e chutou, em bola desviada pela zaga. Os donos da casa diminuíram a intensidade e ficaram mais no campo de defesa, com o Alvinegro tentando pressionar. Numa dessas, Adson, na esquerda, arriscou, mas foi parado por Giménez.

O Always Ready pouco tentava o segundo gol. No entanto, aos 24, em saída perigosa de bola, Fábio Santos é obrigado a jogar a bola na lateral. Na sequência, Cássio realizou defesa em dois tempos após chute de longa distância de Adrián.

A resposta veio com Jô, partindo pela esquerda, cruzando para Paulinho, chegando para chutar na área, mas, antes Giménez apareceu para ficar com a bola. Aos 32, Renato Augusto limpou a jogada e chutou com perigo, passando pelo lado esquerdo da trave.

Já no fim, Fábio Santos partiu pela lateral, deu uma caneta e chegou para chutar, mas novamente o arqueiro adversário defendeu. No lance seguinte, Jô e Willian, de novo pela esquerda, fizeram boa tabela, mas Cabrera tirou.

Na etapa complementar, logo no primeiro lance, Riquelme dominou na entrada da área e tocou em profundidade para Ramallo, que tirou de Cássio, mandando para o fundo das redes, em falha coletiva dos brasileiros.

Mesmo com maior posse de bola, o Corinthians não conseguia ser efetivo e também não manteve o mesmo ritmo, talvez pela altitude. Aos 13 minutos, Jô dominou na entrada da área, girou e bateu de esquerda, mas acabou sendo travado por Cabrera.

Chegando aos 30 minutos, Arce tocou para Chumacero na entrada da área e, com liberdade, ele dominou e chutou, mas foi desviado. Pouco depois, Renato Augusto perdeu a bola no meio de campo e o adversário puxou contra-ataque, mas chute de Cristaldo parou em Cássio.

O Alvinegro seguiu tentando, sem sucesso e criação chegar ao gol. Mas o jogo terminou 2 a 0 para o Always Ready.

FICHA TÉCNICA
ALWAYS READY 2 X 0 CORINTHIANS

Local: Estádio Hernando Siles, em La Paz (BOL)
Data: 05 de abril de 2022 (terça-feira)
Hora: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Piero Maza (CHI)
Assistentes: Alejandro Molina (CHI) e Miguel Rocha (CHI)
Cartões amarelos: João Pedro (Corinthians) e Enoumba (Always Ready)
GOLS: Always Ready: Riquelme, aos oito minutos do primeiro tempo, e Ramallo, com menos de um minuto do segundo tempo.

ALWAYS READY: Giménez; Enoumba, Alex Rambal, Cabrera e Flores; Chumacero, Adrián (Mamani), Ramallo (Blanco), Cristaldo (Borja) e Arce (Mauricio Cortes); Riquelme (Torres).
Técnico: Eduardo Villegas

CORINTHIANS: Cássio; João Pedro (Maycon), João Victor, Gil e Fábio Santos; Du Queiroz, Paulinho (Gustavo Silva) e Renato Augusto; Adson (Róger Guedes), Jô (Giuliano) e Willian (Lucas Piton).
Técnico: Vítor Pereira

 

 

Outras postagens...

Borussia Dortmund bate Wolfsburg, vence 6ª seguida e põe mais fogo na briga pelo título da Bundesliga

Paulo Rogério

Peru pede à Conmebol que adie reinício de eliminatórias da Copa 2022

Paulo Rogério

Fifa marca Mundial de Clubes nas datas de rodadas decisivas do Brasileiro e da final da Copa do Brasil

Paulo Rogério

Leave a Comment