SportsManaus
FUTEBOL AMAZONENSE

Em segundo, Vitória joga com 3B pela liderança no Campeonato Brasileiro Feminino A2

Foto: Maurícia da Matta/EC VITÓRIA

Jogando em casa e com apoio da torcida, a equipe do Vitória enfrenta o 3B da Amazônia, pela quinta rodada, do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino A2, nesta quarta-feira, 23/5, às 14h (15h de Brasília), no Estádio Manoel Barradas, o Barradão, em Salvador. As Leoas da Barra ocupam a segunda colocação, com 10 pontos, mesma pontuação do time amazonense, mas líder pelo critério de desempate.

A partida promete muitas emoções, pois vai reunir as duas melhores equipes até agora e as únicas invictas no Brasileirão. De Salvador, o treinador do Vitória, Lucas Grillo, de 30 anos, confessou ao SPORTSMANAUS de sua primeira experiência em uma equipe feminina.

De acordo com comandante das Leoas, o grupo está concentrado e com foco na partida, pois o resultado positivo dentro de casa coloca a equipe na primeira colocação na tabela.

Treinador do Vitória respeita adversária, mas afirma que sua equipe está preparada para jogo (crédito: Maurícia da Matta/EC VITÓRIA)

– O grupo segue muito focado, não somente para essa partida, mas para a competição no geral. A vitória pode deixar a equipe em boa situação, mas perto da classificação. Vamos enfrentar uma equipe muito qualificada, mas seguir com os pés no chão, trabalhando muito e bastante unidos para que possamos conseguir nosso principal objetivo – comentou, mas acredita em uma grande partida.

– Acredito que será um grande jogo, quem for ao estádio terá a oportunidade de ver a evolução do futebol feminino com duas equipes focadas, determinadas, que seguem buscando o mesmo objetivo. Com certeza, uma não vai dar moleza para outra.

Com pouco tempo no futebol amazonense feminino, Lucas Grillo, confessou ter encontrado dificuldades para encontrar informações e dados para estudar mais um pouco o 3B. Apesar disso, ele ressaltou que sua equipe está preparada.

– É difícil de ter acesso a vídeo, jogos de outras equipes e informações mais concretas e diretas, enfim, é complicado. Sobre o 3B, é uma equipe de grande investimento, com atletas renomadas e muito forte. Mesmo jogando fora de casa, acredito que elas vão jogar o seu melhor futebol, mas estamos bem preparados. Tenho certeza de quem for ao estádio vai assistir um grande jogo – disse, mas afirma que o fator casa é fundamental para conseguir o resultado positivo.

Comemoração das jogadoras do Vitória em um dos jogos pelo Brasileiro (crédito: Maurícia da Matta/EC VITÓRIA)

– Estamos trabalhando muito forte, desde a pré-temporada, entramos em qualquer jogo buscando a vitória. Jogar em casa tem o fator positivo, porque tem menos desgaste em relação a viagem, porém, quando o juiz apita o início da partida não existe favoritismo, são onze contra onze. Vamos fazer o nosso melhor para merecermos a vitória – finalizou o treinador, que já passou por times masculino.

Única equipe invicta, ao lado do 3B da Amazônia no Campeonato Brasileiro, o treinador do Vitória, afirmou que o trabalho tem sido intenso para o grupo alcançar seus objetivos. Segundo ele, mesmo com uma boa campanha, ainda é cedo para pensar em títulos na temporada.

– Trabalhamos muito forte, nosso grupo é feito de grandes guerreiras, temos que superar e buscar os sonhos no crescimento do futebol feminino. Entramos cada partida com objetivo da vitória. Pensar no título da competição, na verdade pensamos um passo por vez. Nossa principal meta é o acesso, vamos lutar muito por isso, mas um passo por vez.

Outras postagens...

Canon Picture Profiles, Get The Most Out of Your Video Features

Paulo Rogério

Manaus anuncia criação do setor de análise de desempenho

Paulo Rogério

De olho na Copinha, Holanda vence Tarumã e conquista o Amazonense Sub-21

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol