Site www.sportsmanaus.com.br full screen background image

EXCLUSIVO: “Abrir vantagem’, disse técnico do Paysandu sobre jogo com Manaus pela Copa Verde

425

Foto: Celso Pupo/Fotoarena/Folhapress

Campeão em 2016, vice na primeira edição em 2014 e ano passado, o Paysandu entra na Copa Verde para enfrentar na semifinal, o debutante no futebol profissional, a equipe do Manaus FC. A eterna rivalidade entre Amazonas e Para entra em campo, no primeiro jogo nesta terça-feira, 27/3, às 18h (19h de Brasília), no Estádio Leônidas Sodré de Castro, conhecido como a Curuzu, em Belém. A partida de volta entre as duas equipes para definição do finalista, será no dia 11 de abril, na Arena da Amazônia, em Manaus.

Será a segunda equipe paraense no caminho do Gavião do Norte, pela Copa Verde. Na primeira fase, o adversário foi o Clube do Remo, saindo vencedor em casa por 2 a 0. Já no jogo de volta, ocorreu o empate em 1 a 1, no Estádio do Mangueirão, decretando a classificação história, além de ser a primeira vez de uma equipe local vencer os paraenses na competição.

De Belém, com EXCLUSIVIDADE ao SPORTSMANAUS, o treinador do Papão, Dado Cavalcanti, 36 anos, em seu retorno a equipe paraense com pouco mais de um mês, fez uma análise sobre os dois jogos com o time amazonense.

– Decidimos as duas primeiras fases em casa, e agora vamos sair para fazer a segunda partida fora. Precisamos ter uma boa atuação, abrir uma vantagem, se possível sem levar gols, para poder buscar a classificação em Manaus – explicou, mas ainda ressaltou da importância de jogar a primeira partida em casa.

– O Paysandu sempre vai jogar para vencer. Em uma condição de mata-mata, essa necessidade aumenta. Agora, independente do resultado, não existe total tranquilidade. Uma vitória pode nos deixar em uma condição boa de classificação, mas sempre vamos entrar atentos nas partidas – contextualizou.

Finalista do Campeonato Paraense em dois jogos com arquirrival Remo, o comandante do Paysandu, disse que no futebol ninguém é bobo, mesmo o adversário sendo novo no profissional, mas possui um elenco de grande potencial e experiente.

– É um clube novo, mas que possui um grupo experiente, com uma boa rodagem. É um time muito maduro, que já mostrou que tem qualidade. Terminou na liderança da sua chave no estadual e agora está na semifinal. Merece todo o nosso respeito, assim como qualquer adversário. O Manaus não chegou a uma condição de semifinal de Copa Verde por acaso – citou, mas afirmou não existir favoritismo, apesar da história do Papão.

– O Paysandu tem camisa, tem história e coleciona conquistas, mas lá dentro serão 11 contra 11. É como eu disse antes, o adversário precisa ser respeitado, independentemente de sua história. Cabe a nós fazer valer a tradição do Paysandu no cenário nacional, mas em uma disputa como essa de mata-mata, não existe favorito.

Segundo Dado Cavalcanti, fazer o primeiro em casa ou fora é relativo, mas tudo depende do resultado da partida de ida. De acordo com ele, apesar do pouco tempo no profissional, não considera o Manaus como uma surpresa na semifinal da competição.

– É uma equipe que tem muita qualidade, sim. Mas não vejo como surpresa. Quando se trabalha com seriedade, o resultado sempre aparece. A nossa diretoria teve a oportunidade de ter dois contatos com os dirigentes do Manaus aqui na Curuzu, em dois treinamentos, e pela conversa deu para notar que os planos do clube são interessantes.



Paulo Rogério/sportsmanaus@gmail.com

I live in Brazil, in the city of Manaus, which hosted 2014 World Cup matches, the Olympic 2016 men's and women's football tournament. I'm Paulo Rogério Veiga, 51, a reporter, journalist and owner of sports portal www.sportsmanaus.com.br. I would like to inform you that I have received material from FIFA for 35 years, in addition to Conmebol and UEFA. I have also been editor of globoesporte.globo.com/am/ portal. I am working as a press and publicity advisor to leverage your company, product, brand, your soccer career, whether player, coach, club, manager, any professional that Works and conducts business in football. I am a professional / base player agent and a soccer coach. I have contact with agents, international agencies, academies, intermediaries, scoutings, among others in Brazil and in world football, including with signed contract. Another work I do is to attract potential investors to sponsor clubs in Brazilian football, which seek to gain their place in the regional, national and even international scenario. Contact us. E-mail: paulo.imprensa@hotmail.com / pauloimprensa@gmail.com Contact: +55 (092) 3629-0651 (office) / +55 (092) 99171-9226 (live / watsapp). Leia mais em sobre o editor clicando aqui.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.