Manaus sai na frente, mas perde de virada para o Vila Nova-GO na Série C

119

Foto: Douglas Monteiro 

Com a boa estreia de Daniel Costa, a volta de Rossini, o Manaus abriu o marcador e foi bem, principalmente no primeiro tempo, mas no final não conseguiu segurar o Vila Nova-GO e perdeu por 2 a 1, na abertura do returno do Grupo A do Campeonato Brasileiro da Série C. Com a derrota, o Gavião do Norte, fica na sétima posição, com 11 pontos e próximo da zona de rebaixamento. O jogo pela 10ª rodada, foi realizado na noite desta segunda-feira, 12/10, no Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, o OBA, em Goiânia.

Pela 11ª rodada, o Manaus vai ter uma partida direta com Botafogo-PB, para sair da zona de degola, na próxima segunda-feira, 19/10, às 19h (20h de Brasília), na Arena da Amazônia. O Vila Nova, segundo colocado com 19 pontos, enfrenta fora de casa o Paysandu-PA, no domingo, 18/10, às 17h (18h de Brasília), no Mangueirão.

Jogo

A partida começou com os dois times dispostos a jogar ofensivamente. Já o Manaus contava com retorno de Rossini e a estreia de Daniel Costa. Mas a primeira chance foi do Vila Nova. Aos 3 minutos, bola na grande área e Rafael Donato cabeceia e Jonathan faz uma grande defesa e salva a meta do Manaus.

Não demorou muito e o Gavião do Norte deu o troco. Aos seis minutos, o zagueiro Luís Fernando aparece no ataque, mas cabeceia por cima da meta do Tigrão e perde a chance. Aos 12 minutos, o estreante Daniel Costa cobra falta e a bola passa tirando tinta da trave de Fabricio do Vila.

Saindo como titular, aos 15 minutos, Hamilton mais uma vez deixou sua marca. Pela direita Patrick cruz e Hamilton testa de cabeça e marca para o Manaus, 1 a 0.  O Gavião jogava melhor e pressionava o Vila Nova. Aos 21 minutos, Daniel Costa de frente para meta bate forte e quase marca.

O Tigrão sofreu o tento, mas tentava chegar para marcar o gol de empate. Aos 27 minutos, após uma sobra do Gavião, Talles bate forte, mas bem colocado Jonathan faz a defesa.

Mais solto em campo e confiante, o Manaus continuava no ataque. Aos 30 minutos, outra chance perdida. Márcio Passos cabeceou com perigo a meta do Vila. Um minuto depois, mais uma vez Daniel Costa aproveita uma jogada e bate, mas Fabricio fecha o gol e coloca para fora.

Quando tudo caminhava para um placar favorável ao Gavião do Norte, aos 45 minutos, Biancucchi tenta a jogada na área, mas é derrubado e o árbitro marca pênalti. Aos 47 minutos, Henan cobra de um lado e Jonathan cai do outro, 1 a 1. Um minuto depois, quase o Vila marca o segundo. Depois do passe de categoria de Henan de calcanhar, Pablo recebe e bate cruzado, mas a bola passa perto da meta e não entra.

No segundo tempo, o técnico Luizinho fez algumas mudanças para tentar reverter o placar. O time que foi bem na primeira etapa, não manteve a regularidade.

O Vila também mudou, mas parece com um efeito melhor em relação ao Gavião. Aos 31 minutos, Celsinho aproveita uma jogada para fazer o cruzamento e Rafhael Lucas aproveita para virar o jogo, 2 a 1.

Com várias mudanças de ambos os lados, o jogo ficou mais rápido. Aos 42 minutos, o Manaus quase empatou. Gabriel Davis recebe uma bola e arrisca de longe e quase marca.

Ficha técnica:

Jogo: Vila Nova-GO 2×1 Manaus

Motivo: Campeonato Brasileiro da Série C – 1ª fase / Grupo A / 10ª rodada

Local: Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, o OBA – Goiânia/GO 

Horário: 19h (20h de Brasília)

Público: —

Renda: —

Árbitro: Paulo Henrique de Melo Salmazio (MS) 

Árbitros Assistentes:  Cícero Alessandro de Souza (MS) e Luiz Fernando Viegas Colete (MS)

Gol: Hamilton 15min 1º t (Manaus) e Henan 47min 1ºt pênalti e Rafhael Lucas 31min 2ºt (Vila Nova-GO)

Advertências:  Márcio Passos, Matheuzinho (Manaus) e Rafael Donato, Rafhael Lucas, Pablo (Vila Nova-GO)

Expulsão: Rafhael Lucas (Vila Nova-GO)

Vila Nova-GO: Fabrício, Celsinho, Rafael Donato, Adalberto, Mário, Bambu, Pablo, Biancucchi (Alan Mineiro), Rodrigo Alves (Francis), Talles (Caíque) e Henan (Rafhael Lucas). Técnico: Bolívar.

Manaus: Jonathan, Patrick, Luís Fernando, Tsunami (Renan), Edvan, Márcio Passos, Gabriel Davis, Daniel Costa, Rodrigo Fumaça (Jandy), Rossini (Matheuzinho) e Hamilton (Paulinho Simionato). Técnico: Luizinho Lopes.

 



Paulo Rogério

I live in Brazil, in the city of Manaus, which hosted 2014 World Cup matches, the Olympic 2016 men's and women's football tournament. I'm Paulo Rogério Veiga, 51, a reporter, journalist and owner of sports portal www.sportsmanaus.com.br. I would like to inform you that I have received material from FIFA for 35 years, in addition to Conmebol and UEFA. I have also been editor of globoesporte.globo.com/am/ portal. I am working as a press and publicity advisor to leverage your company, product, brand, your soccer career, whether player, coach, club, manager, any professional that Works and conducts business in football. I am a professional / base player agent and a soccer coach. I have contact with agents, international agencies, academies, intermediaries, scoutings, among others in Brazil and in world football, including with signed contract. Another work I do is to attract potential investors to sponsor clubs in Brazilian football, which seek to gain their place in the regional, national and even international scenario. Contact us. E-mail: paulo.imprensa@hotmail.com pauloimprensa@gmail.com Contact: +55 (092) 3629-0651 (office) +55 (092) 99171-9226 (live / watsapp). Leia mais em sobre o editor clicando aqui.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.