SportsManaus
FUTEBOL FUTEBOL INTERNACIONAL

Messi desencanta, Di María faz golaço, e Argentina vence a Venezuela ‘em ritmo de treino’

Da Redação do Sports Manaus, com informações – ESPN.com.br

Sem dificuldades, a Argentina derrotou a Venezuela dentro de casa pelas eliminatórias

Foto: Twitter / Selección Argentina 

Fechando a penúltima rodada das eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo, a Argentina recebeu a Venezuela em La Bombonera na noite desta sexta-feira (25). Com gols de Nicolás González, Di María e Messi, os ‘hermanos’ venceram por 3 a 0.

Após muita pressão, o gol argentino saiu aos 34 minutos. Em bela troca de passes, Mac Allister abriu para De Paul, que cruzou da direita para Nico González na área. O camisa 15 só teve que completar para o gol.

Na reta final da segunda etapa, o time desencantou. Primeiro aos 33, quando De Paul fez lindo lançamento para Di María, que driblou Fariñez para tocar por cima da zaga com categoria.

Três minutos depois, o camisa 11 fez linda jogada pela direita e cruzou para Messi, livre na área. O craque matou no peito e finalizou para colocar nas redes.

Situação do campeonato

Os dois times não tem mais o que brigar na tabela. Já classificada, a Argentina segue na segunda posição, agora, com 38 pontos. A Venezuela ‘se confirmou’ como lanterna, com somente 10 pontos conquistados.

Ritmo de treino

A partida pouco serviu para a tabela das eliminatórias. E, mesmo sem ter tanta motivação matemática, a Argentina imprimiu forte ritmo de jogo desde o início, tendo amplo domínio da partida e com placar ficando até mesmo curto demais.

Chance para novas caras

Com a equipe já classificada, o técnico Lionel Scaloni aproveitou para fazer os testes possíveis em sua equipe, como Joaquin Correa, Mac Allister e o próprio autor do gol, Nico González, entrarem como titulares.

Mais perto de marca histórica

Sem perder desde julho de 2019, a Argentina está a um jogo de igualar a sua maior sequência invicta na história. Entre 1991 e 1993, o time de Alfio Basile se manteve invicto por 31 jogos. Até agora, já são 30.

Próximos jogos

Na última rodada, a Venezuela encara a Colômbia, equipe que ainda sonha com uma vaga na repescagem para a Copa, enquanto a Argentina visita o já classificado time do Equador. Os dois jogos ocorrem na terça (29), às 20h30 (de Brasília), junto do restante da rodada.

Ficha técnica

Argentina 3 x 0 Venezuela

GOLS: Nico González, Di María e Messi (ARG)

ARGENTINA: Armani; Molina, Otamendi, Pezzella e Tagliafico; De Paul, Paredes (Guido Rodríguez) e Mac Allister (Di María); Nico González (Boyé), Messi e Joaquin Correa (Angel Correa). Técnico: Lionel Scaloni

VENEZUELA: Fariñez; Rosales, Chancellor, Ferraresi, Makoun e Cásseres (Luis González); Herrera (Machís), José Martínez e Navarro (Murillo); Josef Martínez (Aristeguieta) e Rondón (Savarino). Técnico: José Pekerman

 

 

 

Outras postagens...

Libertadores: Conmebol promete mudar regras e endurecer punições após casos de racismo na competição

Paulo Rogério

‘Garçom’, Mason Mount brilha, Chelsea vence o Middlesbrough fora de casa e vai à semifinal da Copa da Inglaterra

Paulo Rogério

Nacional anuncia contratação de Luis Suárez, que volta ao futebol uruguaio após 16 anos

Paulo Rogério

Leave a Comment