SportsManaus
FUTEBOL FUTEBOL NACIONAL

Na emoção! Cano marca no fim, Fluminense elimina o Botafogo e vai à final do Carioca

Da Redação do Sports Manaus, com informações – Luiza Sá – 27/03/2022 – 18:11 – Rio de Janeiro (RJ)

Alvinegro marcou um gol nos acréscimos, mas viu o Tricolor fazer o suficiente para avançar e disputar a decisão do Estadual contra o Flamengo

Foto: MAILSON SANTANA/FLUMINENSE

Em uma partida de duas reviravoltas nos acréscimos do segundo tempo, o Botafogo foi valente e venceu o Fluminense por 2 a 1, no Maracanã, neste domingo. No entanto, por ter feito 1 a 0 na ida e ter a vantagem do empate, o Tricolor saiu com a classificação para a final do Campeonato Carioca. Erison balançou a rede duas vezes, mas Germán Cano fez no último lance e garantiu a vaga para duelar contra o Flamengo pelo título.

O primeiro jogo da final acontece na próxima quarta-feira, às 21h35, enquanto a segunda partida será no sábado, ainda em horário a ser definido. Os dois serão disputados no Maracanã, com mando do Fla na ida e do Flu na volta. Não há mais vantagem do empate.

JOGO RUIM

Assim como nos dois jogos anteriores, o primeiro tempo do clássico foi de baixa qualidade técnica e pouca criatividade para os dois lados. A partida foi marcada principalmente por ser bastante pegada. Precisando da vitória, o Botafogo tentou pressionar na saída de bola, mas teve problemas para criar. Já o Fluminense ia se defendendo bem e até chegou a ter boas oportunidades, mas passou a maior parte do tempo administrando a vantagem conquistada no primeiro jogo.

GOLAÇO

Buscando a vitória, o Alvinegro esquentou uma partida que até então era bem fria entre as equipes. Aos 47 minutos do primeiro tempo, o Flu desperdiçou um ataque e a bola sobrou para o Botafogo novamente. Erison recebeu um bonito lançamento rasteiro de Chay, passou por David Braz, deixou Luccas Claro no chão e chutou, vencendo Marcos Felipe. O resultado ainda dava a classificação ao Fluminense, que tinha a vantagem do empate.

BOTAFOGO MELHOR

O Fluminense voltou para o segundo tempo com três mudanças, apostando em Ganso, Nonato e Cristiano nas vagas de Jhon Arias, Manoel e Pineida. Mesmo com o esquema diferente e nova proposta, o time seguiu com problemas para criar as jogadas e levar perigo. O Botafogo, por outro lado, deu sufoco e teve boas oportunidades de ampliar. Mais ligado, o time Alvinegro foi bem na partida e deu trabalho.

PRESSÃO

O Botafogo seguiu com uma postura mais agressiva, já que ainda precisava de um gol para sair com a classificação. Erison até chegou a balançar a rede novamente, mas estava impedido e o lance não valeu. Mas era a noite do atacante. Na pressão alvinegra, aos 45 minutos, o camisa 89 recebeu da direita e cabeceou, vencendo Marcos Felipe. 

LOUCURA

Aos 51 minutos, porém, tudo mudou completamente. Quase na última bola do jogo, Nonato cobrou falta para a área, Ganso finalizou no travessão e Cano aproveitou a sobra para tocar de peito para o gol. O Fluminense ficou com a classificação e Fred ainda teve tempo de ser expulso por receber o segundo cartão amarelo.

TORCIDAS

Enquanto a torcida do Botafogo vivia um dia de esperança pela boa atuação da equipe e a presença de John Textor e do novo treinador, Luis Castro, os tricolores tinham tarde de insatisfação. Ambas apoiaram ao longo dos 90 minutos, mas o lado do Flu xingou o técnico Abel Braga e o presidente Mário Bittencourt em algumas oportunidades.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 1×2 BOTAFOGO

Data/Hora: 27/03/2022, às 16h
Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
​Árbitro: Paulo Renato da Silva Coelho
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Corrêa e Thiago Corrêa Farinha
VAR: Rodrigo Nunes de Sá

Gols: Erison (47’/1ºT) (0-1), Erison (45’/2ºT) (0-2), Cano (51’/2ºT) (1-2)
Cartões amarelos: André, Nonato, Fred, Cano, Yago Felipe (FLU), Luiz Fernando, Rikelmi, Vinícius Lopes, Erison, Kayque (BOT)
Cartões vermelhos: –

FLUMINENSE (Técnico: Abel Braga)
Marcos Felipe; Luccas Claro, Manoel (Nonato – intervalo) e David Braz; Calegari, André, Martinelli (Yago Felipe – 16’/2ºT) e Pineida (Cristiano – intervalo); Jhon Arias (Ganso – intervalo), Willian Bigode (Fred – 45’/2ºT) e Germán Cano.

BOTAFOGO (Técnico: Lúcio Flávio)
​Douglas Borges; Daniel Borges, Philipe Sampaio, Kanu, Jonathan Silva (Hugo – 35’/2ºT); Kayque (Juninho – 35’/2ºT), Barreto (Romildo – 25’/1ºT); Luiz Fernando (Gabriel Conceição – 20’/2ºT), Chay, Rikelmi (Vinícius Lopes – 20’/2ºT); Erison.

 
 

Outras postagens...

Flu começa bem, mas recua e cede o empate para o Atlético-MG no fim

Paulo Rogério

Jurista vê possibilidade de o Grêmio ser punido devido ao uso de drones

Paulo Rogério

Covid-19: Santa Catarina cancela partida entre Avaí e Chapecoense

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol