Nacional perde ‘caminhão’ de gols, sofre nova derrota para o Ji-Paraná-RO e se despede da Série D

181

Após perder um ‘caminhão’ de gols no primeiro tempo, o Nacional não conseguiu fazer o placar e sofreu outra derrota para o Ji-Paraná-RO, pelo mesmo placar do primeiro jogo por 2 a 1. Com resultado, o Naça se despede do Campeonato Brasileiro da Série D. A partida de volta foi realizada na tarde deste domingo, 13/9, na Arena da Amazônia, em Manaus.

Classificado, o Galo da BR entra na fase de grupos na 1ª fase da Série D, no grupo A, composto por Atlético-AC, Galvez-AC, Rio Branco-AC, Bragantino-PA, Independente-PA, Vilhenense-RO e Fast Clube-AM. A estreia será contra o Atlético-AC, fora de casa, entre os dias 19 ou 20 deste mês. O Ji-Paraná-RO estreia em casa com o Atlético-AC, entre os dias 19 ou 20 deste mês.

Jogo

O primeiro lance de perigo no taque foi do Nacional, aos cinco minutos. Pela direita, Alan Patrick cruza e Jack Chan de cabeça toca, mas sem muita dificuldade para o goleiro Dida do Ji-Paraná.

Não demorou muito, e o Galo da BR, aos sete minutos, Kabrine em uma cobrança de falta frontal a meta do Naça bate forte, mas o goleiro Lucão toca na bola e coloca pela linha de fundo.

Aos 18 minutos, o Naça puxou um contra-ataque pelo meio campo com Tiago Correia, que tocou para Wander em velocidade ganhar de dois zagueiros, mas na hora do chute, o goleiro Dida abafa e evita o gol.

O Galo da BR não conseguia chegar no ataque, mas quando fazia levava susto. Aos 26 minutos, tabela pela direita de Jonatas com Renan. O jogador chuta de canhota no canto esquerdo, mas Lucão faz a defesa.

Precisando da vitória, o Leão da Vila Municipal, jogava no ataque para buscar o gol. Aos 28 minutos, o zagueiro Maxilley Lima toca a mão na bola na entrada da grande área para evitar um lance agudo. Na cobrança, Romão bateu em cima da barreira e perdeu a chance do time azulino.

O Naça pressionava o tempo todo para marcar o primeiro gol. Aos 34 minutos, pela esquerda Romão chuta, a bola bate na zaga e sobra para Guilherme de frente para meta e bate forte, mas o goleiro do Galo evita o tento.

Em nova investida, mais uma chance perdida do Nacional. Aos 38 minutos, Alan Patrick cobra falta e o zagueiro Carlos Alberto na pequena área cabeceia em cima do goleiro.

Nem começou o segundo tempo, e aos dois minutos, o Ji-Paraná abriu o marcador. Pela direita, Watthimen cruza e Marabá toca na pequena área para marcar, 1 a 0.

Depois de sofrer o gol, o Nacional se perdeu me campo e o time sentou o gol sofrido. Aos 24 minutos, cruzamento pela direita e Rafael Carioca perdeu a chance de diminuir o placar.

Precisando desesperadamente de marcar pelo menos um gol, aos 32 minutos, o Naça tem uma falta frontal e Guilherme bate rasteiro no canto esquerdo do goleiro.

Depois de algum tempo sem perigo. Aos 46 minutos, pela esquerda Vitor Damasceno cruza e Renan de cabeça sem piedade amplia, 2 a 0.

Aos 48 minutos, jogada individual de Jack Chan que tentou o drible, mas sofreu a falta e o árbitro marca pênalti. Um minutos depois, Jack Chan cobra a meia altura do lado esquerdo e diminui, 2 a 1.

Ficha técnica:

Jogo: Nacional 1×2 Ji-Paraná-RO

Motivo: Campeonato Brasileiro da Série D / Fase preliminar / Jogo de volta

Local: Arena da Amazônia – Manaus/AM

Horário: 15h (16h de Brasília)

Renda:  —

Público pagante:

Árbitro: Leandro Bizzio Marinho (SP)

Árbitros Assistentes: Evandro de Melo Lima (SP) e Gustavo Rodrigues de Oliveira (SP)

Gols: Marabá 2min 2t e Renan 46min 2t (Ji-Paraná) e Jack Chan 49min 2t (Nacional)

Advertências: Charles, Maxilley Lima, Kabrine, Wanderson, Vitor Damasceno, Renan (Ji-Paraná-RO)

Nacional: Lucão, Alan Patrick (Tiago Brito), Carlos Alberto, Marcão, Romão, Guilherme (Biel), Carlinhos, Tiago Correia, Wander (Leozinho), Ivamar (Rafael Carioca) e Jack Chan. Técnico: Mazinho.

Ji-Paraná-RO: Dida, Charles, Lídio, Maxilley Lima, Kabrine, Wanderson, Jonatas, Marabá, Ícaro (Vítor Damasceno), Renan (Matheus Silva) e Watthimen (Fagner). Técnico: Bruno Monteiro.



Paulo Rogério

I live in Brazil, in the city of Manaus, which hosted 2014 World Cup matches, the Olympic 2016 men's and women's football tournament. I'm Paulo Rogério Veiga, 51, a reporter, journalist and owner of sports portal www.sportsmanaus.com.br. I would like to inform you that I have received material from FIFA for 35 years, in addition to Conmebol and UEFA. I have also been editor of globoesporte.globo.com/am/ portal. I am working as a press and publicity advisor to leverage your company, product, brand, your soccer career, whether player, coach, club, manager, any professional that Works and conducts business in football. I am a professional / base player agent and a soccer coach. I have contact with agents, international agencies, academies, intermediaries, scoutings, among others in Brazil and in world football, including with signed contract. Another work I do is to attract potential investors to sponsor clubs in Brazilian football, which seek to gain their place in the regional, national and even international scenario. Contact us. E-mail: paulo.imprensa@hotmail.com pauloimprensa@gmail.com Contact: +55 (092) 3629-0651 (office) +55 (092) 99171-9226 (live / watsapp). Leia mais em sobre o editor clicando aqui.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.