full screen background image

Para reduzir custos e manter grupo unido, Paulo Morgado aprova pré-temporada do Fast-AM na Venezuela

388

Em sua sexta passagem pelo Fast Clube, Paulo Morgado, já iniciou seu planejamento para temporada do próximo ano. O português será mais uma vez o comandante do Tricolor de Aço em busca do título do Campeonato Amazonense, mas desta vez de uma forma diferente em relação aos anos anteriores.

Depois de confirmada a pré-temporada pela diretoria na Venezuela, o treinador afirmou ser muito melhor de fazer uma preparação diferente em comparação aos anos anteriores, principalmente pelo fator financeiro. Morgado confessou de estar tudo definido, inclusive a cidade no país vizinho.

– É uma experiência nova para o Fast e penso até para qualquer clube do Amazonas. Passar 20 dias no país sai mais barato do que ter 15 ou 16 jogadores de fora, todos comendo, dormindo, com apartamentos alugados, acaba saindo mais barato. O Fast tem um ônibus, podemos fazer a viagem praticamente de graça. O Cláudio Nobre (vice-presidente) já viajou várias vezes para lá e conseguiu uma parceria na cidade de Puerto Audaz – disse e confessou que em tempo de crise os gastos serão até menores.

– Em termos de custos, o que iriamos gastar em Manaus, provavelmente seria superior do gastaríamos na Venezuela. É uma experiência nova, vamos ter bons campos para treinar, hotel para dormir, os jogadores vão estar mais focados. Muita gente pensa que vamos gastar muito dinheiro, mas penso que seria um gasto maior em Manaus, do que vamos gastar na Venezuela.

De acordo com Paulo Morgado, além da parte técnica e tática, a preparação em outros ares pode agregar outros conceitos para o grupo de forma positiva. Segundo ele, tudo que possa ser feito em prol do elenco de buscar o título, será feito da melhor forma possível – disse ao SPORTSMANAUS.

– O objetivo é manter as coisas bem lá (Venezuela), manter o grupo unido, focado somente nos treinos. Aqui em Manaus é complicado, ou seja, o extra treino de segurar o jogador em casa é mais complicado. Lá podemos garantir que o jogador pode treinar de manhã, a tarde e à noite vai descansar, porque vão estar no hotel. A meta é manter o foco do time, juntar o grupo e unir todos para realizar um bom campeonato.



EDITOR - Paulo Rogério Veiga, comunicador esportivo, repórter, radialista e agente business de jogadores e treinadores. Contato 55+ (92) 99171-9226 vivo/watsap / 55+ (92) 98193-1304 tim/watsap. Email: pauloreporter@hotmail.com / pauloimprensa@gmail.com Leia mais em sobre o editor clicando aqui.