full screen background image

Quais e como serão os lances revistos: veja como deverá funcionar o árbitro de vídeo no Brasileirão

129

Da redação do SPORTSMANAUS, com informações da ESPN.com.br

O Campeonato Brasileiro está a um passo de ter árbitro de vídeo para tentar diminuir as polêmicas em seus jogos. Uma reunião nesta terça-feira terá a responsabilidade de definir os últimos ajustes para a implementação do sistema, mas o Chefe da Comissão de Arbitragem, o Coronel Marcos Marinho, já explicou como deverá funcionar a dinâmica daqui para frente.

QUAIS LANCES SERÃO REVISTOS:

“Lances críticos. Principalmente aqueles de gol mesmo. Por exemplo: gol e impedimento, se foi gol ou se estava impedido, gol e não gol, se a bola entrou ou não. Ou pênalti e não pênalti, aquele se foi dentro ou fora da área. São situações bem específicas”.

QUANDO SERÁ USADO O ÁRBITRO DE VÍDEO: 

“A ideia é que o árbitro, em qualquer dúvida que tenha, possa solicitar para que o árbitro de vídeo reveja. Esse é o protocolo que a Fifa está impondo em outras competições”.

QUANTO TEMPO DEMORARÁ CADA REVISÃO: 

“A ideia é que seja o mais rápido possível. Apontar se foi ou não e não discutir o lance’. 

QUEM ANALISARÁ OS VÍDEOS: 

“Um árbitro, um assistente e um supervisor”.

DE QUEM É A DECISÃO FINAL:  

“Decisão final é sempre do árbitro de campo”.

DE ONDE VIRÃO AS IMAGENS: 

“A princípio, a imagem da TV”.  

Cel. Marinho responde quantos árbitros capacitados para ser de vídeo temos e fala dos auxiliares atrás do gol 

O QUE SERÁ DISCUTIDO NA REUNIÃO DESTA TERÇA:   

“Vamos ter uma reunião para avaliar a parte técnica mesmo, como pode ser viabilizado. Vamos analisar os estádios da rodada do fim de semana, se será possível fazer em todos os jogos. Vamos analisar todos os fatores para que seja da melhor qualidade possível”. 

QUAIS OS JOGOS TERÃO ÁRBITRO DE VÍDEO: 

“Vou preparar árbitros para os dez jogos. Mas dependo agora de uma confirmação da capacidade tecnológica”. 

COMO SERÁ DECIDIDA A DATA DA IMPLEMENTAÇÃO:  

“Temos que ouvir os técnicos (de tecnologia), que vão nos avisar as dificuldades para determinados jogos, determinados campos e se tem a possibilidade de já implementar agora. Da minha parte, de preparação de pessoas, já está delineado como será a preparação. Depende deles, se eles têm a ideia de nos atender. Em cima disso, vamos passar se vai ou não ocorrer e em quais jogos”. 

Sobre a final da Copa do Brasil, Coronel Marinho diz que ainda será estudado o uso do árbitro de vídeo; entenda

POR QUE A DECISÃO DE JÁ IMPLEMENTAR A TECNOLOGIA FOI TOMADA AGORA: 

“Já havia um desconforto. Esse último (gol de braço do Jô) realmente veio definir por parte da presidência de se tomar outro tipo de atitude. Tivemos alguns acontecimentos durante a competição que nos incomodaram, esse foi o que transbordou a água”.

COMO SERÁ A PREAPRAÇÃO PARA OS ÁRBITROS: 

“Já existe o trabalho sendo feito há mais de dois anos, sendo feito com o pessoal da Comissão de Arbitragem. Temos também o treinamento de árbitros que já participaram de competições Fifa. O que a gente vai fazer agora é refinar a comunicação para que não haja nenhum equívoco que crie mais polêmica. Queremos privilegiar o acerto agora. Para isso vamos treinar e temos os assistentes e árbitros que já tiveram esse treinamento e agora vão espalhá-lo”



Paulo Rogério/sportsmanaus@gmail.com

I live in Brazil, in the city of Manaus, which hosted 2014 World Cup matches, the Olympic 2016 men's and women's football tournament. I'm Paulo Rogério Veiga, 51, a reporter, journalist and owner of sports portal www.sportsmanaus.com.br. I would like to inform you that I have received material from FIFA for 35 years, in addition to Conmebol and UEFA. I have also been editor of globoesporte.globo.com/am/ portal. I am working as a press and publicity advisor to leverage your company, product, brand, your soccer career, whether player, coach, club, manager, any professional that Works and conducts business in football. I am a professional / base player agent and a soccer coach. I have contact with agents, international agencies, academies, intermediaries, scoutings, among others in Brazil and in world football, including with signed contract. Another work I do is to attract potential investors to sponsor clubs in Brazilian football, which seek to gain their place in the regional, national and even international scenario. Contact us. E-mail: paulo.imprensa@hotmail.com / pauloimprensa@gmail.com Contact: +55 (092) 3629-0651 (office) / +55 (092) 99171-9226 (live / watsapp). Leia mais em sobre o editor clicando aqui.