SportsManaus
NOTÍCIAS

Revelado na Escola do Santos Manaus, Nobu é o novo reforço do Jabaquara para o Campeonato Paulista Sub-13

Nobuyuki Andrade Ashibe, 12 anos, o Nobu, que atua de meia, da Escola de Futebol do Santos Meninos da Vila Manaus, viaja nesta segunda-feira, 21/5, para equipe do Jabaquara Atlético Clube, da cidade de Santos, no interior de São Paulo. O atleta, foi aprovado no teste do clube em abril e vai se integrar ao Jabaquarense para disputa do Campeonato Paulista Sub-13.

Há quatro anos na Escola do Santos Manaus, Nobu, teve toda sua base de futebol na escolinha, o que foi fundamental para sua aprovação no clube paulistano. Para ele, é um momento especial, por isso, é grato por tudo que aprendeu e o trabalho dos profissionais.

– Estou muito feliz de ter conseguido passar e sou muito agradecido pela escolinha do Santos por essa chance, porque eles me indicaram para o Jabaquara. O teste foi muito bom e estou satisfeito por ter sido aprovado. É um sonho que estou subindo a cada degrau e a qualquer momento posso ser chamado para ouro clube. Estou preparado, mas cada dia vou ‘matar um Leão’ e tentar melhorar o máximo possível – disse.

Professor Wendell Nunes da Escola do Santos, ao lado de Nobu e a mãe do atleta (crédito: Paulo Rogério)

Para mãe do atleta, a advogada Luciana Andrade Ashibe, 44 anos, é um sonho que seu filho realiza, mas graças a Escola do Santos Manaus pelo trabalho desenvolvido de jogar em outro Estado.

– Estou muito orgulhosa, porque meu filho está realizando mais um sonho, devido apoio da Escola do Santos, ao David Filho, a Joelma Silva, ao professor Wendell Nunes. Ele teve todo o apoio dos professores da escolinha para realizar esse sonho. Ele não falta aos treinos, é muito assíduo e dedicado. A escolinha é de fundamental importância para o crescimento do meu filho e de outros atletas – finalizou.

O professor da Escola do Santos Manaus, Wendell Nunes Coelho, ressaltou a importância do atleta ter sido aprovado, e agora fazer parte do Jabaquara. Segundo o educador, é fruto do resultado do trabalho, empenho e dedicação na preparação diária com os garotos da escolinha.

– Primeiro agradecer a Deus por estar proporcionando essa oportunidade, como do Nobu, tem outros atletas que estão bem encaminhados. Digo para ele sempre valorizar, sempre acreditar nos sonhos e objetivos. Nós estamos fazendo um trabalho a longo prazo, cerca de seis a sete meses, tanto na parte individual e do grupo também, pois isso é muito importante para o desenvolvimento do atleta, seja na parte tática e física – explicou.

Nobu tem todo o apoio de seus pais, inclusive da mãe Luciana Andrade que acompanha seu filho (crédito: Paulo Rogério)

Outras postagens...

Ao lado de Tite, Pelé será homenageado em evento na universidade de Harvard

Paulo Rogério

Veja vídeo do projeto da “nova Vila Belmiro” no Santos

Paulo Rogério

Senado aprova projeto que incentiva clubes de futebol a se transformarem em empresas

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol