SportsManaus
OUTROS ESPORTES

Arrasador, Brasil conquista dobradinha na Copa América de Goalball

Da Redação do Sports Manaus, com informações da AGÊNCIA BRASIL – Publicado em 22/02/2022 – 15:18 Por Lincoln Chaves – Repórter da EBC – São Paulo

Times masculino e feminino conquistam títulos com goleadas nas finais

Foto: Ale Cabral/CPB/Direitos Reservados

As seleções brasileiras feminina e masculina de goalball conquistaram nesta terça-feira (22) os respectivos títulos no Campeonato das Américas, disputado no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo. Elas derrotaram o Canadá por 5 a 0 e levantaram a taça continental pela primeira vez. Eles atropelaram os Estados Unidos, ganhando por 12 a 2 e ficando com o bicampeonato.

Embaladas pela vitória de segunda-feira (21), sobre os Estados Unidos, algozes na Paralimpíada de Tóquio (Japão), as brasileiras se impuseram sobre as canadenses. Heroína diante das norte-americanas na semifinal, Jéssica foi novamente protagonista, com três gols, encerrando o torneio como artilheira, com 22 gols. Moniza balançou as redes duas vezes na decisão e também se destacou na goleada.

“É um marco, pois sempre chegávamos perto do título, mas não ganhávamos. Todos sabiam da nossa qualidade e falavam que gostavam de nos ver jogar, mas o troféu não vinha. Como era auxiliar deste time, eu conhecia esse gosto amargo. No entanto, hoje [terça], podemos dizer que a seleção é competitiva e campeã”, disse o técnico Jônatas Castro, que assumiu o comando da equipe feminina após os Jogos de Tóquio, em depoimento ao Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB).

No goalball, quando uma equipe abre dez gols de diferença, a partida termina antes de se completarem os 24 minutos de jogo (12 em cada tempo). Foi exatamente o que aconteceu na decisão masculina, com os brasileiros repetindo o que fizeram nos oito confrontos anteriores. Parazinho e Leomon anotaram cinco gols, enquanto Emerson e André Dantas balançaram as redes norte-americanas uma vez. Leomon, com 32 gols, acabou o torneio dividindo a artilharia com o mexicano Omar Gonzalez.

“Tivemos uma grande competição, com mais de 100 gols feitos e só nove gols sofridos em todos os jogos. Mostramos que o nosso grupo é muito forte, com uma brilhante campanha do Emerson. Estávamos projetando essa mudança de transição e ficamos muito feliz com este resultado”, comentou Alessandro Tosim, técnico da seleção masculina, atual campeã paralímpica.

O principal desafio de ambas as seleções em 2022 será o Mundial de Hanghzou (China), entre 6 e 18 de junho. O time feminino se garantiu na competição ao atingir a final do Campeonato das Américas. A equipe masculina já estava classificada.

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

 

 

Outras postagens...

Futsal: Brasil cai para Argentina e adia sonho de reconquistar o mundo

Paulo Rogério

Seleção feminina vence a primeira na Liga das Nações de vôlei

Paulo Rogério

Campeão do Pan, policial é encontrado morto em rodovia de SP

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...