SportsManaus
FUTEBOLFUTEBOL AMAZONENSE

Com patrocínio da Drogam, Ceaf entrega uniforme para árbitros e assistentes do quadro de arbitragem

O investimento dos uniformes é o resultado da parceria da Comissão Estadual de Arbitragem de Futebol (Ceaf) com a Drogam

Foto: Divulgação / Ceaf

Cerca de 50 profissionais da arbitragem, entre árbitros e árbitros assistentes foram beneficiados com o uniforme completo para o trabalho na temporada deste ano, que foi entregue na sexta-feira (25), no auditório Antônio Prudente da Costa, na Federação Amazonense de Futebol (FAF), no centro da cidade. O kit é composto com três camisas, uma bermuda e um meião. O resultado é fruto da parceria da Comissão Estadual de Arbitragem de Futebol (Ceaf) com a empresa Drogam – Drogaria e Manipulação.

De acordo com o presidente da Ceaf, Vladimir Bastos, é uma ajuda muito significativa, principalmente em se falando de uma economia para os profissionais do apito, que estão em atividade, já começando no Campeonato Amazonense.

– É importante para o árbitro, até porque ele diminui o gasto dele em si. Por exemplo, um árbitro para investir para trabalhar no campeonato, tem que comprar um bom apito, um calibrador de bola, uma bomba, uma bandeira, onde sempre tem que ter mais de uma, porque tiver algum problema com uma, já tem outra – explicou ao SPORTS MANAUS, mas ainda ressaltou.

– Se a arbitragem consegue o patrocínio do material, que vai usar na vestimenta dele, já é uma economia muito boa e muito legal. A gente fica muito agradecido a Drogam, por estar nos patrocinando. Com certeza, nós vamos contribuir muito com o patrocínio empresa durante todo esse campeonato – concluiu Vladimir, que agradeceu ao presidente da Associação dos Árbitros de Futebol, Weden Cardoso, que firmou o contato com a empresa patrocinadora.

Para Vladimir Bastos, toda ajuda a arbitragem regional é sempre bem-vinda, principalmente pelas dificuldades financeiras, que ainda assola a todos, em razão da pandemia da Covid-19.

– Se cada um fosse investir na compra do material seria em torno de R$ 500 para cada árbitro. O ano passado nós compramos o uniforme, que foi investido em R$ 27 mil só de material para a arbitragem. É nessa faixa aí de R$ 20 mil, que são investidos para o benefício dos árbitros se apresentarem mais vistoso, para fazer jus a todos as equipes e do campeonato – revelou o dirigente da comissão.

 

 

Outras postagens...

De folga na abertura, técnico do Holanda ganha tempo para avaliar elenco para Série B do AM

Paulo Rogério

Em sorteio da CBF, Manaus enfrenta o Jaraguá-GO e Penarol pega o Ypiranga-RS pela Copa do Brasil

Paulo Rogério

Com assistência de Luizinho, Amazonas passa para as oitavas da Série D

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...