SportsManaus
FUTEBOLFUTEBOL AMAZONENSE

Em reunião, clubes e federação definem ajustes do estadual, mas o início depende da confirmação da data, local e horário do Rio-Nal

Representantes de nove equipes, sem contar com o Fast Clube, que oficializou sua desistência do Campeonato Amazonense da Série A, a Federação Amazonense de Futebol (FAF), reuniu os clubes que vão participar para ajustar os últimos detalhes para o início do estadual. A terceira reunião do Conselho Técnico, ocorreu na tarde desta quinta-feira, 12/1, na sede da federação, no centro da cidade.

O diretor de competições adjunto da FAF, Thiago Durante, afirmou que a meta é fazer uma grande abertura do campeonato com a realização do tradicional clássico Rio-Nal, mas que ainda depende de alguns acertos, mas também não confrontar a partida com uma decisão na mesma data em âmbito nacional.

– Nós passamos algumas possibilidades para os clubes do jogo ser realizado a noite, de ser realizado no domingo. Agora os clubes vão levar para suas diretorias e comissão técnicas. Temos até terça-feira, para definir a primeira rodada, principalmente a abertura do campeonato com o Rio-Nal. O jogo pode ser na sexta-feira, a noite ou no sábado à noite? Isso vai depender da iluminação da Arena da Amazonia ou do Sesi, enfim, para que a gente possa realizar a abertura – explicou ao SPORTS MANAUS.

De acordo com o dirigente da federação, a prioridade é realizar a abertura do Campeonato Amazonense com o clássico tradicional, pois tudo depende sobre essa definição para consolidar de vez o calendário de jogos.

– Vai depender do Rio-Nal, porque não queremos que nada confronte com o clássico. Já vamos ter a decisão da Super Copa do Brasil, acontecendo no sábado a tarde, entre Flamengo e Palmeiras, enfim, vamos tirar o Rio-Nal desse conflito com a Super Copa e adequar a uma nova data ou novo horário. Com isso, a gente possa ter a maior quantidade de público na festa de abertura – completou Durante, mas ainda lembrou.

– Nós definimos a programação de jogos com a saída do Fast Clube, em que todos os adversários na rodada folgarão. Isso ficou pacificado entre os clubes, assim como definimos itens do regulamento como ambulância, maqueiro, gandula, entre outros. Outro item é sobre o valor dos ingressos  no valor de R$ 20 e o mínimo de R$ 10. Os clubes vão cumprir o que foi acordado em reuniões anteriores e de restante está tudo caminhado da melhor maneira possível – concluiu o dirigente.

 

Outras postagens...

América-MG mantém soberania recente, vence Cruzeiro e abre vantagem na semifinal do Mineiro

Paulo Rogério

Fast Clube é prejudicado com pênalti não marcado, e empata com Moto Club-MA na Série D

Paulo Rogério

Mesmo em casa pelo Brasileiro Feminino, técnico do Tiradentes-PI alerta: “O JC é favorito”

Paulo Rogério