Flamengo sofre com erros defensivos, mas reage e empata com o La Calera pela Libertadores

141

Da Redação do Sports Manaus, com informações – LANCE! – 11/05/2021- 23:27 – La Calera (CHL)

Aproveitando as falhas rubro-negras, Unión La Calera abre 2 a 0 no Chile, mas Fla busca o empate com gols de Gabriel Barbosa e Willian Arão e segue invicto na competição

Foto: Alexandre Vidal / CRF

As falhas defensivas cobraram seu preço ao Flamengo nesta terça-feira, em partida pela quarta rodada do Grupo G da Libertadores. Após sair atrás do placar – o Unión La Calera abriu 2 a 0 no primeiro tempo -, o time de Rogério Ceni reagiu e buscou o empate em 2 a 2 no Chile. Único invicto na chave, o Rubro-Negro segue com situação tranquila para avançar na Copa.

O empate, contudo, ainda garantirá a classificação antecipada às oitavas de final da Libertadores caso a LDU vença o Vélez Sarsfield, em Buenos Aires, nesta rodada do do grupo. O confronto entre equatorianos e argentinos será nesta quinta-feira, às 19h (de Brasília). Veja a situação da chave e a 

LA CALERA APROVEITA FALHAS E LARGA NA FRENTE

Com sete desfalques para o jogo, Rogério Ceni escolheu Gabriel Batista e João Gomes como substitutos dos titulares Diego Alves e Gerson. As novidades da equipe estiveram entre os que se salvaram do desempenho ruim do Flamengo na etapa inicial. Logo aos cinco, o La Calera avançou pela esquerda e Martínez cabeceou após cruzamento, mas o goleiro foi ao chão e evitou o primeiro gol.

Minutos depois, o camisa 22 até tentou, mas não conseguiu impedir o rival de abrir o placar após duas falhas consecutivas de Bruno Viana, que recuou mal e, na sequência, acabou desarmado. A finalização de Vargas parou em Gabriel Batista, mas, no rebote, Martínez não teve dificuldades para marcar o primeiro.

Aos 26, o escanteio foi cobrado pelo lado esquerdo e o desvio em Willian Arão, contra a própria meta, deu ao Unión La Calera o segundo gol na partida: 2 a 0. Mesmo sem um grande desempenho, o time chileno abriu larga vantagem.

FLA REAGE COM GOL HISTÓRICO DE GABRIEL BARBOSA

Mais do que as falhas defensivas – que não são novidades no time de Ceni -, o Flamengo também não fez um bom primeiro tempo ofensivamente. Sem a intensidade para pressionar a saída de bola adversária, só finalizou com perigo duas vezes até os 30, uma vez com Arrascaeta, outra com Gabriel Barbosa.

A terceira chance veio em pênalti sofrido por Everton Ribeiro, derrubado após passe de Gabi. O próprio camisa 9 foi para a cobrança e mostrou a categoria habitual, deslocando o goleiro Arías e entrando para a história com o seu 17º gol vestindo o Manto na Libertadores, deixando Zico para trás na artilharia.

Com a vantagem no placar, o Unión La Calera se posicionou atrás e passou a, praticamente, aguardar o apito final. Dessa forma, acabou por atrair o Fla ao seu campo de ataque, mas a posse de bola rubro-negra demorou a tornar-se produtiva. A segunda etapa se arrastou até os 15 minutos sem grandes lances, até que Rogério Ceni foi para o tudo ou nada: tirou João Gomes e lançou Pedro.

O efeito de tamanho poderio ofensivo em campo foi imediato. Pedro precisou de dois minutos em campo para finalizar duas vezes e levar  perigo à meta do La Calera, que resistia. Contudo, o Flamengo não viveu uma noite inspirada. A solução acabou sendo a bola parada. Aos 31, Arão se redimiu do gol contra e, desviando de cabeça escanteio cobrado por Arrascaeta, igualou o placar: 2 a 2.

Com as entradas de Ramon e Matheuzinho após o empate nos lugares de Bruno Viana e Isla, Ceni mostrou que estava a fim da vitória – que garantiria a classificação antecipada para as oitavas -, mas a reação do Fla parou por aí.

FICHA TÉCNICA

UNIÓN LA CALERA 2 X 2 FLAMENGO

Estádio: Nicolás Chahuán Nazar, em La Calera (CHI)

Data e hora: 11 de maio de 2021, às 21h30 (de Brasília)

Árbitro: Andrés Rojas (COL)

Assistentes: Alexander Guzmán (COL) e Sebastian Vela (COL)

Gols: Ariel Martínez (1-0, 7’/1ºT), Willian Arão (Contra, 2-0, 28’/1ºT), Gabriel Barbosa (2-1, 31’/1ºT) e Willian Arão (2-2, 31’/2ºT)

Cartão amarelo: Ariel Martínez, Orellana, Iturra e Wiemberg (ULC); João Gomes, Arrascaeta e Bruno Henrique (FLA).

Cartão vermelho: Não houve.

UNIÓN LA CALERA (Técnico: Lucca Marcoguiseppe)

Arías; Símon González (Navarrete, 38’/2ºT), Christian Vilches, Ramírez e Wiemberg; Cavalleri (Liuzzi,  18’/2ºT), Laba (19’/2ºT, Matías Fernández), Ariel Martínez (Oyanedel, 15’/2ºT) e Orellana (Iturra, 38’/2ºT); Vargas e Sáez.

FLAMENGO (Técnico: Rogério Ceni)

Gabriel Batista; Isla (Matheuzinho, 37’/2ºT), Willian Arão, Bruno Viana (Ramon, 37’/2ºT) e Filipe Luís; João Gomes (Pedro, 15’/2ºT), Diego, Everton Ribeiro e Arrascaeta; Bruno Henrique e Gabriel Barbosa.

 



I live in Brazil, in the city of Manaus, which hosted 2014 World Cup matches, the Olympic 2016 men's and women's football tournament. I'm Paulo Rogério Veiga, 51, a reporter, journalist and owner of sports portal www.sportsmanaus.com.br. I would like to inform you that I have received material from FIFA for 35 years, in addition to Conmebol and UEFA. I have also been editor of globoesporte.globo.com/am/ portal. I am working as a press and publicity advisor to leverage your company, product, brand, your soccer career, whether player, coach, club, manager, any professional that Works and conducts business in football. I am a professional / base player agent and a soccer coach. I have contact with agents, international agencies, academies, intermediaries, scoutings, among others in Brazil and in world football, including with signed contract. Another work I do is to attract potential investors to sponsor clubs in Brazilian football, which seek to gain their place in the regional, national and even international scenario. Contact us. E-mail: paulo.imprensa@hotmail.com pauloimprensa@gmail.com Contact: +55 (092) 3629-0651 (office) +55 (092) 99171-9226 (live / watsapp). Leia mais em sobre o editor clicando aqui.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.