SportsManaus
FUTEBOL AMAZONENSE

“O foco é sempre vencer e fazer um bom jogo”, afirma técnico do Tombense-MG sobre o Manaus na Série C

Invicto e após a primeira vitória diante do Ferroviário-CE, o Gavião-Carcará visa continuar sua evolução diante do Manaus, na Arena da Amazônia

Foto: Divulgação / Tombense-MG

Em quinto lugar, com seis pontos, mas ainda invicto com três empates e a primeira vitória conquistada na última rodada, o Tombense-MG tem uma partida fundamental diante do Manaus, em quarto, com a mesma pontuação, mas na frente pelo critério de desempate no Campeonato Brasileiro da Série C. A partida válida pela quinta rodada, acontece neste sábado, 26/6, às 16h (17h de Brasília), na Arena da Amazônia, na capital amazonense. 

Após a primeira vitória na competição, o técnico Rafael Guanaes, acredita que o Gavião-Carcará vai evoluir mais ainda durante a temporada. Para ele, o jogo com o Manaus é fundamental nesse processo que o time passa.

– É um processo natural de evolução e de um trabalho que está no início. Estávamos na expectativa da primeira vitória, e ao mesmo sabendo que tivemos uma boa performance nesse último jogo, pois não só vencemos, como conseguimos subir um degrau com relação ao desempenho – comentou, mas ainda frisou.

– O foco é sempre vencer e fazer um bom jogo, onde isso nos traga merecimento de uma vitória, mas sabendo da complexidade inteira que envolve um jogo e das dificuldades não só do Manaus, mas de todas as equipes da competição vão nos impor. É um campeonato muito equilibrado e de um nível de competitividade muito alto – completou ao SPORTS MANAUS.

Com foco no G4, o comandante do Tombense considera o compromisso com o Gavião do Norte, mesmo fora de casa, primordial para um bom posicionamento na tabela de classificação. Para ele, todo jogo é importante, mas principalmente decisivo. 

Todos os jogos têm um caráter decisivo, até porque é uma competição com pouca margem de erro, com equipes muito niveladas, onde acabam se apegando ao mando de campo e as viagens sendo desgastantes. O planejamento para cada jogo, é conseguir fazer a equipe evoluir, buscar o melhor para o encaixe dos jogadores, buscar o melhor coletivamente, individualmente, e aí procurar o que o jogo nos proporcionar, mas tendo a mentalidade de buscar três pontos – comentou Rafael, mas ainda acrescentou.

– A tendência é que o desenvolvimento seja com um nível de desempenho mais alto, pois sempre foquei em todos os lugares, onde consegui modelar a equipe e proporcionar aos jogadores um nível bom. Tenho convicção que esse crescimento virá, inclusive dos processos cognitivos que o próprio treinamento proporciona, ou seja, a própria vivência, a repetição em cima de atividades ou mesmo na experiência que a gente vai vivendo uns com os outros – completou o treinador. 

 

Outras postagens...

Tarumã começa a venda de máscaras com escudo do clube

Paulo Rogério

Preocupado com a Covid-19, presidente do Princesa desiste e sugere a não realização do estadual 2020

Paulo Rogério

Na segunda temporada na Série C, Manaus estreia com Santa Cruz em casa

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol