SportsManaus
FUTEBOLFUTEBOL NACIONAL

Santos perde para o Ituano é eliminado na 1ª fase do Paulistão pelo terceiro ano seguido

Da redação do Sports Manaus, com informações – GAZETA ESPORTIVA – Rodrigo Matuck – Itu, SP – 05/03/23 | 18:03 – 05/03/23 | 18:05

Foto: Raul Baretta / Santos FC

Pelo terceiro ano consecutivo, o Santos está eliminado do Campeonato Paulista ainda na primeira fase. Neste domingo, o Peixe perdeu por 3 a 0 para o Ituano, no Estádio Novelli Júnior, em Itu (SP), pela 12º rodada do Estadual. Claudinho, Gabriel Magalhães e Quirino fizeram para os mandantes.

Com o resultado, o Alvinegro Praiano encerrou a competição na terceira colocação do grupo A, com 14 pontos, assim como o Botafogo-SP, que ficou em segundo por ter uma vitória a mais. O Red Bull Bragantino ficou na ponta, com 20.

 

Já o Galo de Itu se livrou do rebaixamento e, de quebra, avançou às quartas de final na segunda colocação da chave C, com 12 pontos. Na próxima fase, o clube rubro-negro encara o Corinthians, na Neo Química Arena. A FPF ainda não definiu a data do embate, mas reservou os dias 11 e 12 de março.

O Santos, por sua vez, volta as suas atenções agora para a Copa do Brasil. O time recebe o Iguatu-CE na próxima quinta-feira, às 21h30 (de Brasília), pela segunda fase do torneio mata-mata.

O jogo – Mesmo atuando fora de casa, o Alvinegro Praiano começou o jogo tentando apertar. Com apenas três minutos, Lucas Liam recebeu com liberdade na entrada da área e soltou uma pancada para a firme defesa de Jefferson Paulino.

Com o susto, os mandantes passaram a controlar um pouco mais a posse de bola e rondar a área rival. Depois de encontrar uma certa dificuldade para concluir, o Ituano conseguiu balançar as redes aos 21 minutos. Após cobrança de escanteio, Rafael Silva tentou a finalização e parou em Maicon. No rebote, Joaquim deixou a bola passar e viu Claudinho encher o pé para colocar os anfitriões na frente.

Aos 27, quase saiu mais um. Paulo Victor dominou com liberdade pela esquerda, aproveitou o vacilo da defesa santista e ficou cara a cara com João Paulo. Na hora de finalizar, porém, o atacante tirou demais e mandou pelo lado.

A partir de então, os visitantes tentaram correr atrás do empate. A equipe do técnico Odair Hellmann, entretanto, mostrou muitas dificuldades para criar chances reais. O clube apostou em alguns cruzamentos, mas todos pararam na defesa rubro-negra.

Do outro lado, o Ituano passou a apostar em contra-ataques. Aos 45, Paulo Victor recebeu cruzamento rasteiro e tirou tinta da trave em arremate cruzado. Já com o relógio 48, Gabriel Barros recebeu ótimo passe nas costas de Joaquim e tocou na saída de João Paulo para ampliar.

2º tempo

No segundo tempo, o ritmo do jogo caiu bastante. O Santos até tentou se lançar ao ataque, porém não teve criatividade para criar oportunidades reais. Assim, o Peixe ficou trocando passes de um lado para o outro e, as vezes, se arriscou em alguns lançamentos ineficientes.

Enquanto isso, o clube de Itu seguia apostando nos contra-ataques. E a estratégia deu certo. Aos 23 minutos, Quirino recebeu belo passe em profundidade e tocou na saída de João Paulo para aumentar a vantagem.

Nos minutos finais, o Alvinegro Praiano não teve mais forças para esboçar uma reação e passou a ouvir xingamentos dos torcedores nas arquibancadas. Assim, o jogo terminou 3 a 0 para o Ituano, que avançou às quartas de final e eliminou o time do litoral paulista.

FICHA TÉCNICA
ITUANO 3 X 0 SANTOS

Local: Estádio Novelli Júnior, em Itu (SP)
Data: 05 de março de 2023, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araujo
Assistentes: Luiz Alberto Andrini Nogueira e Mauro André de Freitas
VAR: Thiago Duarte Peixoto
Cartões amarelos: André Luiz, Marcelo Freitas (Ituano); Dodi (Santos)

GOLS: Claudinho, aos 21 do 1ºT, Gabriel Barros, aos 48 do 1ºT, Quirino, aos 23 do 2ºT (Ituano)

ITUANO: Jefferson Paulino; Raí Ramos, Claudinho, Bernardo Schappo e Iury; André Luiz (Rafael Pereira), Marcelo Freitas (Lucas Siqueira), Eduardo Person (José Aldo) e Marcelo Freitas; Gabriel Barros (Yago), Paulo Victor e Rafael Silva (Quirino).
Técnico: Gilmar Dal Pozzo

SANTOS: João Paulo; João Lucas (Nathan), Maicon (Bauermann), Joaquim e Felipe Jonatan; Dodi, Rodrigo Fernández (Ivonei) e Lucas Lima; Lucas Barbosa (Daniel Ruiz), Rwan e Mendoza (Lucas Braga).
Técnico: Odair Hellmann

 

 

 

Outras postagens...

Na semi com o Paysandu pela Copa Verde fora, goleiro do São Raimundo avisa: “Nossa equipe está preparada”

Paulo Rogério

Satisfeito com resultado do Conselho Técnico, dirigente do Iranduba afirma que o Amazonense será um desafio em 2023

Paulo Rogério

Vasco supera Nova Iguaçu por 2 a 0 no Mané Garrincha

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...