SportsManaus
FUTEBOLFUTEBOL NACIONAL

Cano anota um pôquer, Fluminense goleia o Volta Redonda por 7 a 0 e vai à final do Carioca

Da redação do Sports Manaus, com informações – LANCE! – João Santana – 18/03/2023 – 17:57 – Rio de Janeiro (RJ)

Time de Fernando Diniz não toma conhecimento da equipe da Cidade do Aço e chega em sua quarta final consecutiva. Cano agora é o artilheiro da competição com 14 gols

Foto: Marcelo Gonçalves e Mailson Santana/FFC

Baile e quarta classificação seguida para a final do Campeonato Carioca. O Fluminense recebeu o Volta Redonda neste sábado no Maracanã e não tomou conhecimento do time da Cidade do Aço. Em uma atuação impecável, a equipe de Fernando Diniz bateu o rival por 7 a 0 (8 a 2 no agregado) e está na decisão do torneio estadual.

Diante de mais de 46 mil torcedores, Samuel Xavier, Cano (quatro vezes), Alexsander e Martinelli marcaram os gols da partida. Agora o Tricolor espera o adversário para a finalíssima, que será conhecido neste domingo. Os jogos serão em abril.

INÍCIO AVASSALADOR

O começo de jogo não poderia ser melhor para o Fluminense, que marcou dois gols com menos de dez minutos. Atrás no placar agregado, o Tricolor se lançou ao ataque e abriu a contagem com Samuel Xavier, aos três, após boa jogada de Keno pela esquerda. Quatro minutos depois, Nino cabeceou para defesa do goleiro após falta cobrada na área, e Cano pegou o rebote para ampliar.

BAILE TRICOLOR

O Fluminense seguiu pressionando o Volta Redonda mesmo com o placar confortável, e o time de Fernando Diniz chegou ao terceiro gol aos 23 minutos. Em linda bola enfiada por Paulo Henrique Ganso, Alexsander saiu cara a cara com o goleiro Vinicius e bateu no cantinho para fazer seu primeiro gol como profissional. De cabeça, Martinelli fez o quarto aos 39 minutos depois de levantamento de Arias.

+ Confira as movimentações do mercado da bola no Vaivém do L!

FAÇA O L!

O apetite tricolor continuou no primeiro tempo, e Cano marcou o quinto nos acréscimos. Depois de bate e rebate, Nino recebeu de Samuel Xavier na entrada da área e entregou para Cano. De chapa, o camisa 14 bateu no canto e marcou seu segundo gol na partida.

PÔQUER DO ARGENTINO

O Fluminense tirou um pouco o pé do acelerador no segundo tempo, mas ainda assim marcou mais duas vezes. O zagueiro Alix Vinicius deu uma cotovelada em John Arias dentro da área, e o juiz, com auxílio do VAR, marcou pênalti. Na cobrança, aos 18 minutos, Cano chutou no canto e fez o sexto do Flu, seu terceiro na partida. Aos 40, em linda jogada de Keno, o camisa 14 girou na área e fez o sétimo, seu quarto na partida. Ele agora é o artilheiro isolado do Cariocão com 14 gols.

MAIS UMA FINAL

O Fluminense está na final pelo quarto ano consecutivo. Em busca do bicampeonato, o Tricolor agora espera o vencedor da outra semifinal para conhecer seu adversário. Neste domingo, Vasco e Flamengo se enfrentam, e o Rubro-Negro, por ter vencido na ida por 3 a 2, joga pelo empate. O Cruz-Maltino chegará à decisão em caso de qualquer vitória por ter feito campanha melhor na Taça Guanabara. Os jogos serão nos dias 2 e 9 de abril.

FICHA TÉCNICA

Fluminense 7 x 0 Volta Redonda
Campeonato Carioca 2023
Semifinal – Jogo de volta 

Data e horário: 18/03/2023, às 16h (de Brasília)
Local: Estádio do Maracanã, em Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães
Assistentes: Thiago Rosa de Oliveira Esposito e Wallace Muller Barros Santos
VAR: Rodrigo Nunes de Sá
Público pagante: 43.550
Público presente: 46.874
Renda: R$ 1.797.318,50 

Gols: Samuel Xavier, 3’/1ºT (1-0); Cano, 7’/1ºT (2-0); Alexsander, 23’1ºT (3-0); Martinelli, 39’/1ºT (4-0); Cano, 47’/1ºT (5-0); Cano, 18’/2ºT (6-0); Cano, 40’/2ºT (7-0)
Cartões Amarelos: Alexsander, Ganso, Cano e Nino (FLU); Dudu, Bruno Barra e Rogério Corrêa (VRE)
Cartões Vermelhos: Alix Vinicius (VRE)

ESCALAÇÕES

FLUMINENSE (Técnico: Fernando Diniz)

Fábio (Pedro Rangel, 9’/2ºT); Samuel Xavier, Nino, David Braz (David Braz, 22’/2ºT) e Alexsander (Guga, 33’/2ºT); André, Martinelli (Lima, 22’/2ºT) e Ganso (Gabriel Pirani, 22’/2ºT); Arias, Cano e Keno.

VOLTA REDONDA (Técnico: Rogério Correa)

Vinicius Dias; Wellington Silva (Iury, 19’/2ºT), Alix Vinicius, Marcão Costa e Ricardo Sena; Bruno Barra, Dudu (Danrley, intervalo) e Luciano Naninho (Marco Gabriel, 19’/2ºT); Luizinho (Berguinho, intervalo), Pedrinho (Henrique Silva, intervalo) e Lelê.

 

 

 

 

 

Outras postagens...

No primeiro jogo da final do BR Feminino A3, técnica do Mixto-MT afirma sobre o Remo: “Buscar a vitória fora de casa”

Paulo Rogério

Com várias chances perdidas, Manaus empata com São José-RS em 1 a 1, na Arena da Amazônia pela Série C

Paulo Rogério

Em reunião, clubes e federação definem ajustes do estadual, mas o início depende da confirmação da data, local e horário do Rio-Nal

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...