SportsManaus
OUTROS ESPORTES

Vice-presidente da FAH, prevê com cinco provas de hipismo na temporada e também o aumento de hípicas

Calendário de provas deve iniciar em abril ou maio e vai até o final do ano.

Sem competições algum tempo na modalidade, a nova gestão da Federação Amazonense de Hipismo (FAH), eleita no final do ano passado, promete retornar com as disputas para movimentar a temporada com grandes desafios na modalidade, que carece de eventos para os praticantes, seja cavaleiro e amazona.  

De acordo com o vice-presidente da FAH, Raoni de Lima Nogueira, a meta é retornar com o calendário de competições na temporada. Para ele, é importante atender a ansiedade dos amantes do hipismo, que ficaram sem ter provas por um tempo, mas também agregar as representatividades, junto a federação.

– Nosso intuito é voltar com as competições de hipismo no Amazonas e englobar o maior número de entidades e atletas possíveis. Vamos neste primeiro momento estar buscando filiação dessas entidades. Sendo assim, a filiação dos atletas para posteriormente nós começarmos as etapas. As competições, que nós pretendemos fazer na faixa de cinco etapas, até o final do ano – explicou ao SPORTS MANAUS Raoni, que pratica o hipismo há 27 anos.

Para contar com o maior número possível de entidades, o dirigente da federação, vai procurar os responsáveis das hípicas para fazer parte da FAH, assim como elaborar um calendário.

– Hoje a federação conta com três hípicas ativas. O nosso intuito é englobar todas as hípicas, que devem ter na faixa de oito a nove. Acho que a gente consegue regularizar como filiados à federação. Nossa previsão é de cinco etapas esse ano. Devemos iniciar por volta de abril ou maio, mas fazendo competições a cada 45 ou 60 dias uma etapa – concluiu Raoni, mas ainda completou.

– A última competição que nós fizemos foi ano passado, sem a chancela da federação e somente entre hípicas, com cerca de 120 atletas. Nós esperamos colocar esse número mais ou menos em cada etapa esse ano. A ideia é ter uma conversa com a Confederação Brasileira de Hipismo para verificar se a gente consegue uma classificatória para um eventual concurso nacional – contou o dirigente.

 

Outras postagens...

Ginástica Rítmica: Brasil brilha na etapa de Atenas da Copa do Mundo

Paulo Rogério

Jogos Pan-Americanos: Brasil conquista três ouros na vela

Paulo Rogério

Marcus D’Almeida assume liderança do ranking mundial do tiro com arco

Paulo Rogério