SportsManaus
FUTEBOL AMAZONENSE

Com dois de cabeça, Amazonas vence de virada o Nacional na abertura do estadual de 2020

Foto: João Normando/FAF

Com dois gols de cabeça, o Amazonas venceu de virada o Nacional por 2 a 1, na abertura da reedição do Campeonato Amazonense de 2020, na tarde desta segunda-feira. Com o resultado, a Onça-pintada já saiu na frente no grupo A, com três pontos. A partida válida pela primeira rodada, foi realizado na Arena da Amazônia, na capital amazonense.

Pela segunda rodada, o Amazonas enfrenta o Manaus, em local, horário e data a ser definida pela FAF. Já o Leão da Vila Municipal, vai tentar sua recuperação diante do Penarol, na sexta-feira, 19/2, às 15h30 (16h30 de Brasília), no Estádio Floro de Mendonça, na cidade de Itacoatiara (a 276 km da capital).  

Jogo

Começo de partida com as duas equipes na base de estudos para saber um pouco mais sobre cada time. O Amazonas pareceu um pouco mais ousado em campo. Com uma marcação forte de ambos os lados, os times não conseguiram entrar com mais perigo na área.

O primeiro lance real de perigo foi do Nacional. Aos 20 minutos, tabela na entrada da área e Bilau chuta, mas a bola bateu na zaga e foi para linha de fundo.

Aos 32 minutos, o Amazonas construiu uma boa jogada com a tabela de Glaysson com Matheus pela meia direita, que bateu, mas a bola passou por cima da meta do goleiro Adrian do Naça.

A maior chance do primeiro tempo foi do Leão da Vila Municipal. Aos 35 minutos, Bilau roubou a bola do adversário, toca para Leozinho na esquerda que cruza para chegada de Flamel, que perdeu o gol sozinho na pequena área.

Aos 41 minutos, o primeiro lance de perigo do Onça-pintada. Pela direita, surge o cruzamento na grande área, e Soares de cabeça testa no canto direito e o goleiro Adrian defende.

No último lance de jogo, aos 46 minutos, falta pela meia esquerda, e Flamel bate no ângulo esquerdo, mas o goleiro Rafael defende sem muitas dificuldades.

O segundo tempo começou com o Nacional em cima do Amazonas. Com pouco mais de um minuto, Leozinho pela esquerda toca para Jones, que entrava na grande área para bater, mas em cima do goleiro Rafael.

Aos três minutos, Marcelo Phillip avança pela direita e toca na pequena área, Leozinho entra para tocar, a bola ainda bate no zagueiro antes de entrar para , abrir o marcador, 1 a 0.

Com cartão amarelo na primeira etapa, aos 12 minutos, o volante Judá do Naça, cometeu uma falta dura. O árbitro da partida Freddy Rafael aplicou o segundo amarelo e na sequência o vermelho, deixando o time com um jogador a menos.

Aos 23 minutos, o Amazonas assuntou com Glaysson pela meia esquerda, que chutou no canto esquerdo do goleiro Adrian e quase marcou o gol de empate. A Onça-pintada pressionava, e aos 26 minutos, pela direita Matheus Jorge bate cruzado e por pouco não marcou.

Com a pressão do Amazonas, aos 34 minutos, Maxwuel pela esquerda toca para Lucas Fabricio, que bate cruzado e quase empata. Aos 36 minutos, Magno cruza pela direita e Pedro Igor de cabeça toca no canto esquerdo sem chances para o goleiro Adrian, 1 a 1.

Dois minutos depois, aos 38 minutos, a Onça-pintada virou o jogo. Maxwuel cobra tiro de canto pela esquerda na grande área e o zagueiro Pierre testa de cabeça para virar o marcador, 2 a 1.

Ficha técnica:

Jogo: Amazonas 2×1 Nacional

Motivo: Campeonato Amazonense de 2020 – Turno único / 1ª rodada  

Local: Arena da Amazônia – Manaus/AM  

Horário: 15h30 (16h30 de Brasília)

Público: —

Renda: —

Árbitro: Freddy Rafael Lopes Fernandez 

Árbitros Assistentes: Anne Kesy Gomes de Sá e Hugo Agostinho Chaves da Paixão 

Gols: Leozinho 3min 2ºt (Nacional FC) e Pedro Igor 36min e Pierre 38min 2ºt (Amazonas FC)

Advertências: Magno, Glaysson, Pierre, Alemão e Delciney (Amazonas FC) e Judá e Bilau (Nacional FC)

Expulsão: Judá (Nacional FC)

Amazonas: Rafael, Magno, Pierre, Mendonça, Thiago Pereira (Maxwuell), Adriano (Pedro Igor), Otávio, Ibson, Marion, Matheus Jorge (Delciney) e Glaysson. Técnico: Ruy Scarpino.

Nacional: Adrian, Marcelo Phillipi, Bandeira, Cris (Varane), Baé (Lucas), Romão, Bilau, Judá, Jones, Flamel e Leozinho (Bruno Gonçalves). Técnico: Alan George.

 

Outras postagens...

Sem dificuldades, Manauara vence o Rio Negro por 3 a 0 e voltam a jogar pelas oitavas do Amazonense

Paulo Rogério

Técnico do Manaus diz que jogo com Caxias é histórico e jogadores repudiam discriminação da torcida do adversário

Paulo Rogério

Ao iniciar os treinos para a Série B AM, dirigente do Rio Negro avisa: “Acredite, o gigante despertou”

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...