SportsManaus
FUTEBOL AMAZONENSE

Com falha na zaga, bolas na trave e gols perdidos, Fast-AM empata com Ypiranga-AP na estreia pela Série D

Fast Clube sai na frente, cede empate, leva virada, mas no final empata com o Ypiranga-PA, na abertura da Série D, em Manaus

Com uma atuação ruim do setor defensivo, duas bolas na trave de cabeça e vários gols perdidos, o Fast Clube se salvou no final e empatou com o Ypiranga-AP em 3 a 3, na estreia em casa, pelo Campeonato Brasileiro da Série D. O Tricolor de Aço perdeu a chance de sair na frente com três pontos, na abertura da competição nacional, neste sábado, no estádio Ismael Benigno, a Colina, em Manaus. 

Com o resultado, o Rolo Compressor soma seu primeiro ponto. Pela segunda rodada, o Fast vai encarar o São Raimundo-RR, no sábado, 12/6, às 17h local, no estádio Canarinho, em Boa Vista, Roraima. Com o empate fora, o Ypiranga estreia em seus domínios diante do Atlético-AC, no domingo, 13/6, às 18h local, no estádio Zerão, em Macapá.

Jogo

O Fast começou disposto a conquistar sua primeira vitória no começo da partida. Aos três minutos, o zagueiro Júnior Jari toca errado e Flamel rouba a bola e sofre a falta de frente para a meta. Na cobrança, Flamel cobra em cima da barreira. 

Aos cinco minutos, após cobrança de uma falta, Flamel abre na esquerda para Paulo Henrique, que cruzou na área, o atacante Val divide com a zaga e a bola sobra para Alexandre chutar para abrir o marcador, 1 a 0.

O Tricolor de Aço nem teve muito tempo para comemorar. O Ypiranga logo chegou ao gol de empate. Aos sete minutos, falta pela meia direita na área, e Pedro Talisca pela esquerda de voleio marca um lindo gol do empate, 1 a 1.

O jogo ficou muito movimentado de ambos os lados e bem aberto. Aos 10 minutos, após tiro de canto pela esquerda na área, o Fast chega ao segundo gol com Felipe, que testa de cabeça no canto direito, 2 a 1. 

O Clube da Torre Negro-Anil chegou com perigo, aos 24 minutos de jogo. Pela esquerda, Pedro tocou na entrada da área para Sandro, mas o jogador chutou por cima da meta do goleiro Leandro do Tricolor. 

Aos 28 minutos, o Ypiranga perdeu uma grande chance de empatar. Pela direita, Mata Boi bate forte, mas o goleiro Leandro defende, na sobra Márcio Jari de frente para a meta isola por cima do gol.

De tanto insistir, o time amapaense chegou ao empate. Aos 38 minutos, Pedro Talisca faz um passe preciso nas costas da zaga do Fast pela esquerda para Mata Boi, que bate no canto direito para marcar, 2 a 2.

O Ypiranga sufocou o Tricolor e chegou ao terceiro gol. Aos 41 minutos, bola na área e Kaio se precipitou e empurrou Mauricio na área. O árbitro perto do lance marcou pênalti. Aos 41 minutos, Helson Luiz  bateu forte no canto direito para virar, 3 a 2.

No final do primeiro tempo, já nos acréscimos, aos 48 minutos, o Rolo Compressor perdeu uma grande chance. Bola na área no segundo pau, e Paulo toca de cabeça e Sandro em cima da linha do gol salva e evita o empate do Tricolor.

Segundo tempo

Com placar desfavorável, o Fast tinha que jogar mais ofensivamente. No início do segundo tempo, aos dois minutos, o Fast quase marcou. Pela meia direita, Rossini cobra falta na área e o zagueiro Felipe toca de cabeça e a bola bate no travessão. 

Na sequência, o Tricolor perdeu outro gol feito. Aos sete minutos, Flamel pela esquerda cobra falta na área, a zaga rebateu e na sobra Kaio sozinho de frente para a meta chuta sozinho no canto direito e deixa de marcar. 

Aos 18 minutos, o Fast chegou com o atacante Vall, que recebeu na área e chutou cruzado, mas o goleiro Redson do Ypiranga fez a defesa.  Aos 22 minutos o Fast bate falta na área e o zagueiro Guilherme Möller toca de cabeça e a bola bate de novo no travessão e não entra. 

Aos 31 minutos, o Fast chega ao empate. Pela direita, Rossini cruza na linha de fundo, e Rodrigo, que acabara de entrar na partida, no seu do pau toca antes do zagueiro para empatar, 3 a 3.

Aos 42 minutos, o Ypiranga chegou com perigo com Murilo, que bateu de fora da área e por pouco quase marcou o gol da vitória para o time amapaense. 

Ficha técnica:

Data: 05/06/2021 – sábado 

Jogo: Fast Clube 3×3 Ypiranga-AP

Motivo: Campeonato Brasileiro da Série D – 1ª fase / 1ª rodada 

Local: Estádio Ismael Benigno, a Colina – Manaus/AM

Horário: 16h (17h de Brasília)

Renda: —

Público pagante: —

Árbitro: Alex Gomes Stefano (RJ)

Árbitros assistentes: Jander Rodrigues Lopes (AM) e Hugo Agostinho Chaves da Paixão (AM)

Gols: Alexandre 5min 1ºt, Felipe 10min 1ºt e Rodrigo 32min 2ºt (Fast Clube) e Pedro Talisca 7min 1ºt, Mata Boi 38min 1ºt e Helson Luiz 41min 1ºt (Ypiranga-AP)

Advertências: Guilherme Möller, Alexandre, Kaio e Felipe (Fast Clube) e Sandro, Leyvison, Luciano Pit, Mata Boi e Márcio Jari (Ypiranga-AP)

Expulsão: —

Fast Clube: Leandro, Hércules, Felipe, Guilherme Moller, Paulo, Bae (Billy), Kaio (Wendel), Flamel (Rodrigo), Rossini (Danyllo), Val (Vitinho) e Alexandre. Técnico: Marcelo Conte.

Ypiranga-AP: Redson, Rogério Marajó, Maurício, Márcio Jari, Luciano Pit, Sandro, Leyvison (Vitinho), Helson Luiz (Willian Afuá), Pedro, Mata Boi (Feijão) e Thulio (Murillo). Técnico: Vitor Jaime.

 

Outras postagens...

Com pênalti perdido, Nacional empata com Clipper e mantém vantagem para jogo decisivo pelas quartas do Amazonense

Paulo Rogério

“É apaixonante”, diz presidente da arbitragem sobre o “Curso de Formação de Árbitros”

Paulo Rogério

Em jogo da semifinal da Série D, Rádio Diário 95,7 FM realiza sua primeira transmissão esportiva

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...