SportsManaus
FUTEBOL AMAZONENSE

“Quem morre na véspera é peru”, afirma o novo técnico do Princesa sobre as chances no Amazonense

Foto: Divulgação / Princesa 

Em penúltimo lugar com apenas três pontos, o Princesa do Solimões, quer mudar sua situação no Campeonato Amazonense da Série A, e apresentou Joaci Moura como novo treinador, nesta quinta-feira, 6/2. O paraibano trabalhou por 10 anos no futebol asiático, mas precisamente na China, mas tem passagem no Araguaína e Tocantinópolis-TO, Crixás-GO, Comercial-PI, São Francisco-PA, Gavião Kyikatejê-PA, sendo o último clube o São Raimundo-PA.

Faltando três jogos para finalizar a fase classificatória do primeiro turno, Joaci Moura, afirmou ao Sports Manaus, que nada está perdido ainda. Para ele, mesmo não conhecendo o potencial do elenco, acredita que pode reverter essa situação incomoda da equipe na zona de rebaixamento.

– O time tem três jogos e muita coisa para se definir e são nove pontos para brigar. Embora esteja na lanterna, não tem problema, porque o futebol é feito de desafios. Se tem uma partida para decidir sua vida, se vai ser rebaixado ou não, esse jogo vale sua vida, independentemente do primeiro turno não ter chance, porque “Quem morre na véspera é peru” – comentou sobre a situação da equipe.

– Não adianta ficar precipitando resultados ou definindo situações, porque no futebol o jogo sempre se define nos acréscimos. Enquanto tiver três partidas no primeiro turno, vamos trabalhar em cima desses jogos. Venho do futebol paraense e do futebol brasileiro, não tenho vícios, mas trabalho com minha metodologia, meu conhecimento e de acordo com a característica de cada jogador. É isso que vai fazer a diferença, ou seja, saber explorar o potencial de cada um dentro daquilo que será possível – finalizou o treinador.

Para o novo comandante do Tubarão do Norte, o importante é que todos tenham consciência de que tudo pode mudar com muito trabalho, pois agora começa um novo ciclo, mas não descartando o trabalho que já teve seu início.

– Vamos tentar fazer com que os atletas entendam a real situação do clube e necessidade de cada um dentro do seu papel profissional. No decorrer do trabalho isso vai ser mostrado degrau por degrau o caminho que temos de seguir. O Princesa recomeça um trabalho contra o Fast, focando uma vitória e a reabilitação, mas pensando numa classificação, e porque não? O segundo turno vem para confirmar, de acordo com aquilo que a gente vem planejando e vamos encontrar no time, mas com relação ao que o professor (Sidney Bento) deixou – justificou.

Outras postagens...

Noite de fortes emoções na live do acesso do MANAUSFC

Paulo Rogério

Com gol de Nena, Manaus vence Baré-RR em sua primeira participação no Brasileiro da Série D

Paulo Rogério

Na segunda temporada na Série C, Manaus estreia com Santa Cruz em casa

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol