SportsManaus
NOTÍCIAS

Vitor Roque brilha, Brasil vence Equador e estreia com vitória no hexagonal final do Sul-Americano sub-20

Da Redação do Sports Manaus, com informações – GAZETA ESPORTIVA – São Paulo, SP – 31/01/23 | 21:23 – 01/02/23 | 00:03

Foto: Rafael Ribeiro / CBF

Nesta terça-feira, a Seleção Brasileira venceu o Equador, por 3 a 1, em sua estreia no Hexagonal final do Sul-Americano sub-20. Vitor Roque (2x) e Andrey (1x) fizeram os tentos do Brasil. No intervalo, o jogador do Athletico-PR saiu como medida preventiva para o próximo confronto. Gonzaléz marcou para os equatorianos.

Em seu próximo compromisso, os comandados de Ramón Menezes enfrentam a Venezuela, nessa sexta-feira, às 19h30 (de Brasília), no Estádio Metropolitano de Techo, em Bogotá, na Colômbia.

Do outro lado, o Equador tenta se recuperar da derrota diante do Brasil. Na segunda rodada, a equipe encara o Uruguai, na mesma data, às 17h (de Brasília), no mesmo local.

Os uruguaios também estrearam na fase final nesta terça-feira e venceram a Colômbia por 1 a 0. Com isso, assumiram a segunda posição da tabela, já que tem um saldo de gols menor que o do Brasil.

Vitor Roque brilha

No começo da partida, o Equador quase abriu o placar. Medina cobrou falta com perigo e Mycael espalmou para escanteio. Na sequência, Castillo cabeceia e o goleiro do Brasil, novamente, impediu o tento adversário.

Após a pressão dos equatorianos, começou o show de Vitor Roque. O atacante ganhou a disputa do defensor e finalizou para o fundo do gol. Aos 27 minutos, o camisa nove contou com falha da defesa e ampliou a vantagem da Seleção Brasileira.

No final da primeira etapa, Robert bateu de longe e a bola passou à esquerda da meta adversária. Depois, Giovane cortou para o meio e chutou para boa defesa de Napa.

Andrey garante a vitória

Assim como no começo da primeira etapa, o Equador quase diminuiu o placar. Robert falhou e Cuero finalizou, mas Mycael fez outra boa defesa. Depois, Guilherme Biro cruzou para Renan Vianna, que, livre de marcação, concluiu mal.

Aos 18 minutos, Minda aproveitou bobeira da defesa brasileira e o goleiro tocou na bola, que ainda chegou a tocar na trave. Pouco tempo depois, González, pegou o rebote, e diminuiu a desvantagem para os equatorianos.

No final da partida, após cobrança de falta, Andrey completou e ampliou a vantagem para o Brasil. Assim, a Seleção Brasileira conseguiu segurar a vantagem e garantir a vitória no Hexagonal final do Sul-Americano sub-20.

 

 

Outras postagens...

Ministério Público investiga manipulação de resultados na Série A

Paulo Rogério

Com De la Cruz, Flamengo já gastou mais de R$ 500 milhões em cinco anos com apenas seis jogadores

Paulo Rogério

Tá decidido? Saiba qual ‘milagre’ será necessário para Flamengo ou Atlético-MG tirar o título do Palmeiras no Brasileirão

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...