SportsManaus
FUTEBOL AMAZONENSE

Com um expulso e dois do adversário, Manaus goleia o Amazonas e dispara na liderança do Amazonense

Foto: João Normando / FAF  

Com um jogador expulso e dois do adversário, o Manaus superou seu oponente direito pela liderança e goleou o Amazonas por 4 a 0, disparando na primeira colocação e mantendo sua invencibilidade com quatro vitórias seguidas, pelo Campeonato Amazonense. O Gavião do Norte agora soma 15 pontos, seguido da Onça-pintada, com 11 pontos, em segundo. A partida válida pela abertura da sétima rodada, foi realizado na tarde deste sábado, na Arena da Amazônia, na capital amazonense.

Com dois jogos atrasados com Iranduba e Princesa do Solimões, o Manaus deve ficar sem jogar agora com o Nacional, na sequência do estadual, mas em virtude do compromisso pela Copa do Brasil. O Gavião do Norte desliga a chave do campeonato e enfrenta o Bahia, na quarta-feira, 7/4, às 20h30 (21h30 de Brasília), no Estádio do Pituaçu, em Salvador.

Jogo

O jogo marcava o encontro das melhores equipes até gora na competição, pela condição da qualidade técnica e tática. O Manaus lutava para se manter na liderança, mas o Amazonas em segundo lugar, brigava para assumir a ponta da tabela.

Jogo começou sendo bem estudado de ambos os lados. Aos sete minutos, o Manaus subiu pela esquerda com Vinicius Barba, que cruzou, a defesa abafou o perigo e na sobra Edvan chutou, mas a bola passou muito acima da meta do goleiro Rafael Jakn do Amazonas.

O Gavião do Norte apertou na marcação o adversário. O atacante Pedro Igor da Onça-pintada tentou o passe, perde a bola para Philip, que chutou de canhota à direita da meta do goleiro com perigo.

Aos 12 minutos, o Gavião teve o primeiro desfalque. Rafael Ibiapino cometeu uma falta em cima de Ibson, mas acabou se contundindo e foi substituído por Erivélton.

Um detalhe curioso: com menos de 20 minutos, por três vezes, o árbitro Ivan da Silva Guimarães Júnior teve que paralisar a partida, para retirar linhas de papagaio, para evitar perigo aos jogadores, em razão do cerol de vidro que é usado nas linhas.

O Manaus quase chegou ao primeiro gol. Aos 20 minutos, Douglas Lima cobra falta pela direita de canhota na área, o zagueiro Murilo toca de cabeça e quase marca contra, se não fosse o goleiro Rafael Kahn atento tocar na bola e colocar para linha de fundo. Aos 21 minutos, pela direita Philip toca para Edvan, que recebe de volta e bate de esquerda no ângulo direito do goleiro e quase marca.

Aos 38 minutos, o Gavião perdeu mais um jogador por contusão. Desta vez, foi o atacante Philip, que tentou uma jogada, esticou a perna direita e sentiu. O técnico Luizinho Lopes colocou Jackie Chan.

O Manaus com a posse um pouco mais da bola, continuava tentando chegar com mais perigo. Aos 44 minutos, Gabriel Davis cobra falta pela meia esquerda no canto direito, mas o goleiro Rafael Kahn fez a defesa.

Aos 48 minutos, o Amazonas perdeu um jogador por expulsão. Diogo Alemão, que já tinha cartão amarelo, cometeu uma falta, pela gravidade do lance, recebeu outro amarelo e na sequência vermelho pelo árbitro Ivan da Silva Guimarães Júnior.

Com menos de dois minutos, em uma bola dividida no setor defensivo do Amazonas, a abola sobra para Diego Rosa pela esquerda. O jogador avança, mas com o zagueiro Mango Alves na marcação, e antes de entrar na área é derrubado. O árbitro marca falta e expulsa por ser o último jogador. Aos três minutos, na cobrança, Gabriel Davis bate, o goleiro Rafael Kahn dá rebote e na sobra Jack Chan não conseguiu dominar, mas o árbitro assistente já marcava lance irregular.

Aos oito minutos, o Manaus chegou ao seu primeiro gol. Pela esquerda Douglas Lima cruza, a bola passa por Diego Rosa e encontra Gilson no segundo pau para mergulhar de cabeça e abrir o marcador, 1 a 0.

Não demorou muito e o Gavião ampliou. Aos 10 minutos, pela direita Edvan cruza pela direita e Erivelton na área toca no canto direito do goleiro Rafael Kahn sem chances, 2 a 0. Um minuto depois, aos 11 minutos, novamente Edvan cruza, o zagueiro falha e sobra para Diego Rosa bate no ângulo esquerdo, 3 a 0.

Com dois a mais em campo, o Manaus não encontrava dificuldades para criar as oportunidades. Aos 24 minutos, Guilherme Amorim pela esquerda abre para Douglas Lima na direita. O jogador chutou de canhota e a bola passou à direita do goleiro Rafael Kahn.

Aos 33 minutos, o Gavião ampliou o marcador. Pela direita, triangulação de Douglas Lima, que toca para a entrada de Edvan e cruza rasteiro. A bola passou por toda área e no segundo pau Diego Rosa se esticou para marcar, 4 a 0.

O zagueiro Thiago Spice, que entrara no segundo tempo, aos 36 minutos, derrubou o atacante Bilau do Amazonas e recebeu cartão vermelho direto pelo lance, sendo o último jogador do setor defensivo. Aos 38 minutos, Felipe Boca pela meia esquerda cobra a falta, mas em cima do goleiro Rafael Pitanga do Gavião.

Aos 42 minutos, o Gavião quase chegou ao seu quinto gol. Na entrada da grande área, Guilherme Amorim toca para Douglas Lima, que entrava na esquerda. O jogador bateu forte, mas por cima da meta do goleiro da Onça-pintada.

Ficha técnica:

Data: 03/04/2021 – Sábado

Jogo: Amazonas 0x4 Manaus

Motivo: Campeonato Amazonense de 2021 – 1ª fase / 7ª rodada

Local: Arena da Amazônia – Manaus/AM

Horário: 16h (17h de Brasília)

Público: —

Renda: —

Árbitro: Ivan da Silva Guimarães Júnior

Árbitros Assistentes: Uesclei Regison Pereira dos Santos e Hugo Agostinho Chaves da Paixão

Gols: Gilson 8min 2ºt, Erivélton 10min 2ºt, Diego Rosa 11min 2ºt e 33 min2ºt (Manaus)

Advertências: Murilo e Diogo Alemão (Amazonas) e Graciliano Vilaça e Jack Chan (Manaus)

Expulsão: Diogo Alemão e Magno Alves (Amazonas) e Thiago Spice (Manaus)

Amazonas: Rafael Kahn, Djalma, Magno Alves, Murilo (Otávio), Maxwell (Felipe Boca), Ibson (Judá), Pedro Igor (Pierre), Marion (Rafael Lucas), Bilau, Alan e Diogo Alemão. Técnico: Ricardo Lecheva.

Manaus: Rafael Pitanga, Edvan, Márcio Passos, Luís Fernando (Thiago Spice), Douglas Lima, Vinícius Barba, Gabriel Davis (Assis), Gilson (Guilherme Amorim), Diego Rosa, Philip (Jackie Chan) e Rafael Ibiapino (Erivélton). Técnico: Luizinho Lopes.

 

Outras postagens...

Além do cuidado com Caxias-RS, técnico do Manaus admite preocupação com arbitragem na Série D

Paulo Rogério

Humilhação! Fast Clube é massacrado pelo Sport por 9 a 0 e praticamente se despede da Copa do Brasil Sub-17

Paulo Rogério

Nacional e Amazonas FC fazem jogo-treino no CT Barbosa Filho

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...