SportsManaus
FUTEBOLFUTEBOL AMAZONENSE

“A nossa ideia é manter a base e fazer uma equipe forte”, afirma João Carlos Cavalo ao assumir o Princesa do Solimões

Na Série A, o treinador foi campeão pelo Grêmio de Coari e Fast Clube e na divisão de acesso pelo Rio Negro.

Foto: Arquivo pessoal / Princesa do Solimões

Após a boa campanha na Série D com o Nacional e ser anunciado como novo técnico do Princesa do Solimões, no início da semana, João Carlos Cavalo, em sua segunda passagem no clube, não perdeu tempo, e já iniciou os contatos para a montagem do time. O Tubarão do Norte vai jogar o Campeonato Amazonense da Série A e o Brasileiro da Série D. A estreia no estadual será diante do Unidos do Alvorada, campeão da divisão de acesso deste ano, em Manacapuru (a 68 km da capital).

De acordo com Cavalo, a meta é manter uma base, buscar jogadores pontuais, na qual estejam dentro da filosofia de trabalho, mas principalmente tudo de forma bem planejada nesse primeiro momento.

– Quanto ao grupo de atletas, tem uma relação dos que jogaram em 2023. A nossa ideia é procurar manter uma base, até porque tem jogadores que têm uma identidade com o clube. Além disso, tem jogadores que se encaixam dentro da minha filosofia de trabalho – alertou ao SP0RTS MANAUS, mas ainda reforçou.

– Já começamos a contatar alguns jogadores também, ou seja, alguns que trabalharam comigo no Nacional, uns já conhecidos, e que conhecem o estadual e minha maneira de trabalhar. Em cima disso, a nossa ideia é procurar manter a base e fazer uma equipe forte – concluiu o treinador.

LEIA MAIS:

Ciente de que terá pela frente uma temporada muito difícil, além da expectativa da nova diretoria do Tubarão e da torcida muito exigente, João Carlos Cavalo, espera realizar um bom trabalho, mas aproveitando o que ficou de positivo dos trabalhos anteriores.

– Nós sabemos da importância, que é dirigir o Princesa, que vem se mostrando muito competitiva nos últimos anos, através do trabalho que o professor Lana realizou. A nossa ideia é procurar manter essa performance, manter uma equipe competitiva, que venha realmente trazer bons resultados para o torcedor também – comentou João, que foi campeão da Série A pelo Grêmio Coariense, em 2005 e Rio Negro, em 2016, além da divisão de acesso pelo Rio Negro.

 

 

 

 

Outras postagens...

Em busca da consolidação no G8 na Série C, técnico do São Bernardo-SP define jogo com Manaus: “Como se fosse uma final”

Paulo Rogério

“O Fast é uma equipe qualificada”, define o técnico do São Raimundo-RR, mas a meta é vencer pela Série D

Paulo Rogério

No primeiro jogo com JC pelo BR Feminino A2 fora, técnico do Ceará define: “O objetivo é fazer um bom jogo”

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...