Chamado as pressas, Darlan tenta arrumar o Fast para o jogo com Independente-PA, pela Copa Verde

404

Convocado sempre nas horas mais difíceis do Fast Clube, Darlan Barroso, assume pela terceira vez o comando do Tricolor de Aço na Copa Verde. Ele foi o técnico contra o Paysandu, em 2016, e Ypiranga (AP), em 2019. No mais novo desafio, ele terá pela frente em jogo único, agora o Independente (PA), na quarta-feira, 20/1, às 14h30 (15h30 de Brasília), no estádio Ciro Machado do Espírito Santos, o Defelê, no Distrito Federal.  Será a quarta passagem, incluindo o título da Copa Amazonas, em 2015.

Sem muito tempo para os treinos, e com a saída de praticamente todo elenco do Fast, Darlan Barroso, que trabalha há 20 anos na base do futebol local, vai recorrer para chamar alguns atletas que, já trabalharam com ele no início da carreira.

– Vamos para esse jogo com alguns jogadores que restaram da Série D, sendo nove, mas vamos completar com cinco garotos da base e trouxemos seis jogadores um pouquinho mais experientes, como Felipe Tiririca, Emerson Bombado, Tiago Bigo, Matheus Iton e o Alexsandro, sendo este afastado do futebol profissional há cinco anos – explicou, mas ainda completou.

– Todos jogaram comigo na base sabe, conhecem o nosso trabalho, a nossa maneira de jogar, nosso sistema e as funções que tem de fazer dentro de campo. A gente procurou trazer esses garotos, por causa do entrosamento, já que o time foi formado em cima da hora, as presas e vamos fazer apenas dois treinos. Por isso, a facilidade de assimilar o esquema, mas nosso problema será mesmo o preparo físico – alertou ao SPORTS MANAUS.

Além das dificuldades de enfrentar o adversário, Darlan lamentou a mudança de local, mesmo sabendo que não havia outra alternativa. Para ele, o tempo ficou mais curto para ajustar o Fast.

– A gente vai tentar fazer uma boa partida, ter uma boa atuação, mas vamos fazer apenas dois trabalhos técnicos e táticos para tentar conseguir um grande resultado e trazer a classificação. Infelizmente, o nosso mando de campo era em casa, mas por causa dessa pandemia, o jogo teve que ser transferido para Brasília. Com isso, vai dificultar um pouco a nossa logística, porque com a viagem se perde um dia de trabalho e de treinos – frisou, mas afirmou que acompanhou a equipe na Série D.

– Sim, acompanhei, conheço o elenco e vou armar o time com os reforços que tenho, com alguns jogadores que jogaram a Serie D, como o Guilherme Moller, Guigui, Igor, Negueba e Caique, onde esses jogadores serão titulares e vou reforçar com os novos jogadores que estão chegando. Acho que temos um bom elenco e vai dar para passar pelo Independente – finalizou Darlan.



I live in Brazil, in the city of Manaus, which hosted 2014 World Cup matches, the Olympic 2016 men's and women's football tournament. I'm Paulo Rogério Veiga, 51, a reporter, journalist and owner of sports portal www.sportsmanaus.com.br. I would like to inform you that I have received material from FIFA for 35 years, in addition to Conmebol and UEFA. I have also been editor of globoesporte.globo.com/am/ portal. I am working as a press and publicity advisor to leverage your company, product, brand, your soccer career, whether player, coach, club, manager, any professional that Works and conducts business in football. I am a professional / base player agent and a soccer coach. I have contact with agents, international agencies, academies, intermediaries, scoutings, among others in Brazil and in world football, including with signed contract. Another work I do is to attract potential investors to sponsor clubs in Brazilian football, which seek to gain their place in the regional, national and even international scenario. Contact us. E-mail: paulo.imprensa@hotmail.com pauloimprensa@gmail.com Contact: +55 (092) 3629-0651 (office) +55 (092) 99171-9226 (live / watsapp). Leia mais em sobre o editor clicando aqui.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.