Dirigente do Manaus lamenta agressão do Real Desportivo-RO, mas diz ‘Fair Play’ no jogo de volta da Série D

312

Foto: Alexandre Jabá / Site Plantão Esportivo

Depois de vencer no tempo regulamentar o Real Desportivo-RO por 2 a 1, no primeiro jogo da segunda fase do Brasileiro da Série D, neste domingo, 16/6, em Ariquemes, o presidente de honra do Manaus, Luís Mitoso lamentou as agressões de alguns jogadores adversários nos atletas do Gavião do Norte, no final da partida. Com a vitória, o Manaus joga por um empate na partida de volta para garantir a vaga na próxima fase, no domingo, 23/6, na Arena da Amazônia, na capital amazonense.

De Ariquemes, o dirigente do Gavião do Norte mostrou ao SportsManaus, sua indignação da atitude de alguns jogadores do Furacão do Vale do Jamari, que agrediram seus colegas de profissão, apesar do lado oposto, mas todos inseridos no futebol profissional.

– No final do jogo estava recepcionando meus atletas no túnel e identifiquei o jogador de número 18 do Real (Emerson Barcas) muito bem a camisa, que deu um tapão por trás no Martony. Isso gerou uma confusão doida, de empurra, empurra, onde o Derlan estava sendo entrevistado por uma emissora de rádio e veio o jogador número 13 (Bahia), mas não identifique, porém, o próprio Derlan identificou ele (lourinho), que deu porrada, empurrou, chutou e tudo mais – disse irritado, mas afirmou que precisou da ajuda da Policia Militar para sair do estádio com total segurança.

– No final tivemos que ter segurança, os árbitros tiveram que ficar mais de 15 minutos no centro do gramado esperando o reforço do policiamento, que chegou depois. Nós ficamos acuados aqui, um pouco nervosos com toda essa situação, mas a Policia Militar dando segurança necessária para nós. Eles deixaram evacuar o estádio todo, até não ficar ninguém, onde depois saímos escoltados. Tudo isso aconteceu infelizmente, mas saímos ainda com uma vitória maiúscula.

Exemplo  

Para Luís Mitoso, se houve um erro de arbitragem ou algum tipo de situação durante a partida não muito boa, foi tanto para o Manaus, quanto para o Real. Segundo ele, na partida de volta, ele vai mostrar como se deve fazer uma receptividade cortez para um time visitante.

– Estou convidando a torcida manauara para estar presente, fazer coro, pressão, enfim, porque aqui (Ariquemes) fomos pressionados, tivemos uma luta e uma guerra, mas vencemos a primeira guerra. Na segunda batalha, vamos dar um troco com educação e responsabilidade. Vamos dar todas as condições para o Real e vai ser bem recebido, diferentemente daqui com esse tumulto que houve. Lá (capital amazonense) vamos retribuir com muito carinho, com espirito esportivo e acima de tudo com Fair Play. Vamos dar para eles Fair Play e mostrar como é fazer um bom futebol.    

Agressão

Autor do gol da vitória na cobrança de pênalti, o volante Derlan lamentou a agressão sofrida de forma covarde pelo adversário. Ele explicou, como ocorreu o fato, mas apesar disso, ficou satisfeito com resultado positivo fora de casa.

– A gente estava saindo do campo e a equipe do Real teve uma atitude errada. O Martony estava conversando com alguns jogadores do Real, e dois atletas chegaram por trás e bateram na cabeça dele. Eu estava dando entrevista, quando olhei na saída, teve um jogador do Real que deu um chute na minha barriga e começou uma confusão generalizada. A pessoa do portão fechou o acesso e isso dificultou muito a nossa saída e dos jogadores, mas vamos isso para diretoria resolver. O importante é que conseguimos nosso objetivo, que era a vitória – finalizou.



Paulo Rogério

I live in Brazil, in the city of Manaus, which hosted 2014 World Cup matches, the Olympic 2016 men's and women's football tournament. I'm Paulo Rogério Veiga, 51, a reporter, journalist and owner of sports portal www.sportsmanaus.com.br. I would like to inform you that I have received material from FIFA for 35 years, in addition to Conmebol and UEFA. I have also been editor of globoesporte.globo.com/am/ portal. I am working as a press and publicity advisor to leverage your company, product, brand, your soccer career, whether player, coach, club, manager, any professional that Works and conducts business in football. I am a professional / base player agent and a soccer coach. I have contact with agents, international agencies, academies, intermediaries, scoutings, among others in Brazil and in world football, including with signed contract. Another work I do is to attract potential investors to sponsor clubs in Brazilian football, which seek to gain their place in the regional, national and even international scenario. Contact us. E-mail: paulo.imprensa@hotmail.com pauloimprensa@gmail.com Contact: +55 (092) 3629-0651 (office) +55 (092) 99171-9226 (live / watsapp). Leia mais em sobre o editor clicando aqui.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.