SportsManaus
FUTEBOLFUTEBOL AMAZONENSE

Em busca da vitória diante do Amazonas na Série D pelas oitavas, técnico do Lagarto-SE avisa: “Temos que ter sabedoria e paciência”

O Verdão aposta em um bom resultado em casa para decidir a vaga fora com mais chances de classificação.

Foto: Ricardo Rocha / Lagarto

Com a terceira melhor campanha na classificação geral, e após dois bons resultados pela segunda fase, o Lagarto-SE, está preparado para superar seu adversário mais difícil até agora no Campeonato Brasileiro da Série D: o Amazonas, detentor da melhor campanha, com 39 pontos. No primeiro jogo das oitavas de final, o Verdão enfrenta em casa a Onça-pintada, neste domingo, 7/8, às 14h (15h de Brasília), no Estádio Paulo Barreto de Menezes, o Barretão, na cidade de Lagarto, no interior de Sergipe.

Com a chance de jogar a primeira partida em seus domínios, o técnico Givanildo Sales, reconhece que precisa de um bom resultado, que é uma vitória, mas construída de uma forma planejada para não correr muito perigo, diante de um adversário qualificado.

Givanildo afirmou que o Amazonas marcou 39 gols, mas também sua equipe tem potencial, marcando 26 gols (Foto: Ricardo Rocha / Ypiranga-RS)

– O fato de jogar o primeiro jogo em casa, nós temos que ter sabedoria. Vamos enfrentar uma equipe muito qualificada, parecida conosco, mas vamos jogar dentro de nossos domínios, onde estamos acostumados a jogar e treinar, além de ter o apoio total de nosso torcedor. Temos que ter sabedoria e paciência para buscar um resultado positivo e levar uma vantagem no segundo jogo – disse ao SPORTS MANAUS, mas ainda destacou.

– Temos esse primeiro tempo de 90 minutos, de uma batalha de 180. Vamos buscar o gol adversário como a gente sempre fez em todas as partidas e sabendo, que agora é outro mata-mata. Temos que ter sabedoria para jogar, porque mata-mata tem que ter sabedoria. Trabalhamos a semana tudo aquilo, que vimos de positivo e negativo do Amazonas para domingo fazer um bom jogo. Com fé em Deus, saímos com um resultado positivo, mas com todo respeito ao Amazonas – comentou.

Sabedor da boa campanha do time amazonense na Série D, o comandante do Verdão, reconhece o potencial, mas também aposta na qualidade de sua equipe, pois afirmou que também chega na fase com os méritos conquistados dentro de campo.

LEIA MAIS:

– Não é pôr acaso, que o Amazonas é o primeiro colocado no geral. Vamos enfrentar uma grande equipe, assim como também na primeira fase, enfrentamos grandes equipes, tanto em nossos domínios, como fora. Enfrentamos nesse jogo do mata-mata um grande time, que foi o Sousa. Agora é manter o foco, ter humildade, pés no chão e ser sempre o Lagarto, um time aguerrido, que busca o gol adversário sempre – contou, mas ainda frisou.

– O Amazonas é uma equipe3 qualificada, uma equipe que já assisti três jogos. É uma equipe que busca o gol adversário sempre, apesar deles terem 39 gols e ter o ataque mais positivo, mas também o nosso ataque fez 26 gols. Vai ser um jogo bastante aberto, mas tenho certeza, que o Amazonas também vai querer buscar uma vitória. Trabalhamos a semana toda, mas realmente vamos pegar um adversário bastante qualificado, mas vamos trabalhar para surpreender e não ser surpreendidos em nossos domínios

 

 

Outras postagens...

Satisfeito com resultado do Conselho Técnico, dirigente do Iranduba afirma que o Amazonense será um desafio em 2023

Paulo Rogério

Cruzeiro bate Flamengo por 3 a 1 no Brasileiro Feminino

Paulo Rogério

Reforço debaixo das traves

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...