EXCLUSIVO: com campanha quase iguais, técnico do Brusque-SC afirma equilíbrio com Manaus na primeira final da Série D

352

Foto: Reprodução 

Depois de passar por inúmeras dificuldades durante o Brasileiro da Série D e conquistar o acesso inédito à Série C do ano que vem, o Brusque FC-SC quer fazer história no futebol brasileiro com a conquista histórica da competição. Pela frente, o Bruscão tem o Manaus FC, com apenas seis anos de fundação no futebol amazonense. O primeiro jogo da final será neste domingo, às 15h (16h de Brasília), no estádio Augusto Bauer, na cidade de Brusque, no interior de Santa Catarina.

Com EXCLUSIVIDADE ao SportsManaus, o treinador do Brusque, Waguinho Dias, 56 anos, há quatro meses no clube, mas com passagem por Guarani-SP, Operário-MS, Rio Branco-SP, Lajes-RS, Tubarão-SC, entre outros, conquistou recentemente a Copa de Santa Catarina pelo Tubarão, mas pela primeira vez vai em busca de um título nacional.

Em 2006, Waguinho Dias, esteve em Manaus pelo Brasileiro da Série B, quando era técnico do Guarani no empate com São Raimundo em 1 a 1. Para ele, que vive o momento de ansiedade da final da Série D, disse que já tem as informações do adversário para o primeiro jogo da decisão em casa.

Treinador disse que sempre decidiu em casa, mas acredita no time no primeiro jogo da final (crédito: Reprodução)

– Nós temos um analista de desempenho que me passa todas as informações e ele vai me passar muitas coisas do Manaus para que a gente possa estudar e fazer o melhor jogo possível. É uma equipe boa, muito forte e tem alguns nomes conhecidos. A gente sabe que não é por acaso que vem fazendo uma grande campanha, desde o ano passado vem mantendo uma base no Brasileiro e estadual. Temos ciência da qualidade e da competência do Manaus, que é muito forte – disse, mas ressaltou a campanha praticamente iguais das equipes.

–  Tanto o Brusque como Manaus fizeram uma campanha muito parecida, sempre os dois brigando pela liderança. Nós sempre fomos melhores no saldo de gols, mas em pontuação sempre muito próximo e igual. Temos o artilheiro e o Manaus também brigando, nós temos uma grande situação ofensiva e o Manaus também, ou seja, os dois sempre tiveram na liderança. Acho justo essa final das duas equipes que sempre buscaram um futebol bonito, atraente e sempre liderou a competição, enfim, será muito equilibrado.

Com sete vitórias em casa na Série D, pela primeira vez o Brusque vai jogar a primeira partida em seus domínios e não fora, como fora antes, desde o início do mata-mata. O comandante do time catarinense lembra que são dois jogos, portanto, vencer é bom, mas ressaltou que precisa ser bem construído em campo essa vantagem.

– Em todas as fases decidimos em casa, e agora será decidida em Manaus pela melhor campanha. Não é só fazer o resultado em casa, isso não quer dizer que já ganhou e vai ter uma grande vantagem. Por exemplo, o Ituano que venceu por 2 a 0, conseguimos reverter. Perdemos para o Juazeirense-BA e também conseguimos reverter. O Manaus perdeu para o Caxias-RS e reverteu em casa. O fator casa é muito importante sim, mas a gente tem que saber jogar os 180 minutos, estudar bem aqui em casa e como sempre jogar para vencer – citou, mas sabe que a partida de volta vai jogar na Arena da Amazônia, que deve lotar para a partida histórica.

Bruscão treina forte para enfrentar o Manaus em casa no primeiro jogo da decisão (crédito: Reprodução)

– Nós sabemos que a Arena da Amazônia é um grande palco, um grande estádio, já o nosso com capacidade de 5 mil pessoas no máximo e com um gramado não muito bom. Somos bem simples, humildes, é uma equipe que busca a todo instante jogar bonito, jogar para o torcedor, agradar a todos que vem ao estádio. Vamos tentar fazer como em outros jogos de vencer em casa e quando ir a Manaus jogar num estádio belíssimo de Copa do Mundo, não vamos sentir a pressão do torcedor, pois somos acostumados, temos jogadores rodados e a comissão técnica tem uma experiência bastante para saber passar um equilíbrio aos atletas. Espero que seja um grande jogo.

Depois de perder fora de casa por 2 a 0 para o Ituano-SP, o Brusque em casa manteve a regularidade e igualou o placar no tempo normal, mas precisou das penalidades para garantir a vaga na final. Segundo o comandante do Bruscão, a equipe mostrou superação e o resultado motivou mais ainda para o compromisso com Manaus.

– Não tenho dúvidas de que numa derrota de 2 a 0 frente ao Ituano, que é muito forte, conseguir reverter, e até poderíamos ter feito no tempo normal, onde acabamos ainda perdendo um pênalti, depois foi decidido nas penalidades e conseguimos vencer, a confiança e motivação aumenta muito. Tudo isso cria confiança, um elo muito grande entre os atletas e uma união muito forte – disse, mas afirmou que o clube antes nunca tinha passado do mata-mata e agora vai decidir o título brasileiro.

– O Brusque nunca havia passado da segunda fase da Série D, se classificava dentro do grupo e parava no primeiro mata-mata. Esse que ano que nós passamos, é algo inédito e agora chegar numa final é mais inédito ainda. É um momento histórico para o clube, que está em ascensão, está se profissionalizando em várias áreas. É um clube que a todo momento está num crescimento muito grande. Agora chegando nesse acesso à Série C e numa disputa de final, está engrandecendo demais o clube, mas principalmente a marca Brusque no estado e nacionalmente – comemorou.



Paulo Rogério

I live in Brazil, in the city of Manaus, which hosted 2014 World Cup matches, the Olympic 2016 men's and women's football tournament. I'm Paulo Rogério Veiga, 51, a reporter, journalist and owner of sports portal www.sportsmanaus.com.br. I would like to inform you that I have received material from FIFA for 35 years, in addition to Conmebol and UEFA. I have also been editor of globoesporte.globo.com/am/ portal. I am working as a press and publicity advisor to leverage your company, product, brand, your soccer career, whether player, coach, club, manager, any professional that Works and conducts business in football. I am a professional / base player agent and a soccer coach. I have contact with agents, international agencies, academies, intermediaries, scoutings, among others in Brazil and in world football, including with signed contract. Another work I do is to attract potential investors to sponsor clubs in Brazilian football, which seek to gain their place in the regional, national and even international scenario. Contact us. E-mail: paulo.imprensa@hotmail.com pauloimprensa@gmail.com Contact: +55 (092) 3629-0651 (office) +55 (092) 99171-9226 (live / watsapp). Leia mais em sobre o editor clicando aqui.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.