SportsManaus
FUTEBOL FUTEBOL AMAZONENSE

Na volta da torcida, Manaus empata com o Ypiranga-RS e perde a chance de avançar na pontuação pela Série C

Manaus empata em casa e perde a chance de conquistar três pontos, o que o deixaria próximo do acesso à Série B de 2022

Foto: Ismael Monteiro / Manaus FC

Na volta da torcida com pouco mais de 12 mil espectadores na Arena da Amazônia, o Manaus mais uma vez pecou pelos vacilos da defesa e a falta de eficácia no ataque. No final, o Gavião do Norte empatou com o Ypiranga-RS em 1 a 1, e perdeu a chance de conquistar três pontos, o que o deixaria próximo da vaga à Série B ano que vem. Com o resultado, o Manaus continua na liderança do grupo D, com cinco pontos, ao mesmo tempo que, o time Canarinho, conquistou seu primeiro ponto. 

O jogo foi válido  pela segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série C, na tarde deste domingo, na Arena da Amazônia, na capital amazonense. O Manaus volta a jogar com o Ypiranga, agora returno dentro do grupo. A partida será no domingo, 24/10, às 17h (18h de Brasília), no Estádio Colosso da Lagoa, na cidade de Erechim, no interior do Rio Grande do Sul.  

Jogo

Logo no começo do jogo, o Manaus cometeu o mesmo erro que vem acontecendo durante toda Série C, com a zaga vacilando em campo. Quem se aproveitou com isso, foi o Ypiranga-RS, que abriu o marcador. Aos dois minutos, falta pela meia direita na área e Quirino toca meio sem querer para marcar, 1 a 0. 

Aos oito minutos, o Gavião chegou com perigo pela primeira vez na meta do time Canarinho. Pela esquerda, Ronaell cruza na área e Raphael Lucas toca de cabeça no canto esquerdo, mas o goleiro Deivity faz a defesa. 

O Gavião do Norte, jogando em casa e com apoio da torcida, saiu com tudo para buscar o empate. Aos 19 minutos, finalmente saiu o gol de empate do Gavião. Pela direita, Igor cruzou na medida para o segundo pau, e Gabriel Davis de cabeça testou no canto direito, sem chances para o goleiro Deivity, 1 a 0.

O Ypiranga tentava segurar o Manaus para não correr o risco de sofrer o segundo gol, com os jogadores claramente praticando o anti-jogo caindo no chão sem nenhum motivo e o goleiro na demora para repor a bola e jogo. Aos 39 minutos, Anderson Paraíba cruza no segundo pau para Guilherme Pira, que chegou atrasado e perdeu a chance de marcar.

Depois de muito sem chegar com uma jogada na meta do Gavião, aos 44 minutos o time Canarinho, teve uma oportunidade, mas sem muito perigo. Silvano recebe na área pela esquerda e chuta para fácil defesa do goleiro Matheus. 

Segundo tempo

Com pouco mais de um minuto, o Manaus deixou claro que queria definir o resultado da partida em casa. Pela esquerda, Ronaell cruza rasteiro no segundo pau para Guilherme Pira. O jogador se esticou todo e perdeu mais uma vez a chance de tocar na bola. 

Aos 22 minutos, pela esquerda, Ronaell cruza na área e Gabriel Davis tentou de bicicleta, mas a bola passou por cima da meta do goleiro Deivity. 

Em seu primeiro lance em campo, o atacante Vitinho, mesmo com sua estatura mediana, quase marcou o segundo gol. Aos 29 minutos, pela direita Daniel Costa cruza na área e Vitinho toca de cabeça para a bola explodir no travessão e sair para fora.

O Manaus não conseguia transformar seu domínio em gols, mas tinha do outro lado uma equipe, que poderia definir o placar se houvesse uma falha. Aos 36 minutos, tiro de canto pela direita com Muriel na área e Quirino subiu praticamente sozinho e cabeceou no canto direito com perigo. 

Ficha técnica:

Dia: 17/10/2021 – domingo 

Jogo: Manaus 1×1 Ypiranga-RS

Motivo: Campeonato Brasileiro da Série C – 2a fase / 3a rodada 

Local: Arena da Amazônia – Manaus/AM

Horário: 15h (16h de Brasília) 

Renda: R$ 644.850,00

Público pagante: 12.897

Árbitro: Denis da Silva Ribeiro Serafim (AL)

Árbitros Assistentes: Esdras Mariano de Lima Albuquerque (AL) e Brigida Cirilo Ferreira (FIFA/AL)

Quarto Árbitro: José Ricardo Vasconcellos Laranjeira (AL) 

Quinto Árbitro: Hugo Agostinho Chaves da Paixão (AM) Analista de Campo: Vladimir Pessoa Bastos (CBF/AM) VAR: Rodrigo Nunes de Sá (VAR-FIFA/RJ)

Gols: Quirino 2 min 1ºt (Ypiranga-RS) e Gabriel Davis 19 min 1ºt (Manaus)

Advertências: Deivity, Muriel e Clayton (Ypiranga-RS) e Anderson Paraíba e Rafhael Lucas (Manaus)

Expulsão: — 

Manaus: Matheus, Igor, Luís Fernando, Marcelo Augusto, Ronaell, Gilson, Júlio Rush, Gabriel Davis (Vitinho), Anderson Paraíba (Daniel Costa), Denílson (Guilherme Pira) e Rafael Lucas (Diego Rosa). Técnico: Evaristo Piza.

Ypiranga-RS: Deivity, Muriel, Douglas, Kanu, Diego (Jonathan), Mikael (Robson), Silvano (Léo Santos), Clayton, Sodré (Erick), Quirino e Dico (Luiz Felipe). Técnico: Júnior Rocha.

 

Outras postagens...

Em jogo com polêmica no VAR, Flamengo volta a vencer o ABC e avança na Copa do Brasil

Paulo Rogério

Daniel Alves terá salário mais baixo de todo elenco do Barcelona em retorno, revela jornal

Paulo Rogério

Sem vencer no Brasileiro Feminino, técnico do Vitória-BA diz que Iranduba se fortalece com parceria

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol