SportsManaus
NOTÍCIAS

STJD suspende Textor por detonar arbitragem e CBF após derrota do Botafogo para o Palmeiras

Da Redação do Sports Manaus, com informações – ESPN.com.br – 3 de nov, 2023, 22:13

Foto: Vítor Silva/Botafogo

John Textor, dono da SAF do Botafogo, foi suspenso preventivamente, nesta sexta-feira (3), pelo Superior Tribunal de Justiça (STJD).

O empresário americano foi punido pelas fortes declarações dadas após a derrota de virada por 4 a 3 para o Palmeiras na última quarta-feira (1º), pelo Brasileirão.

José Perdiz de Jesus, presidente do tribunal, puniu Textor por 30 dias após pedido da Procuradoria do STJD. Vinicius Assumpção, vice geral do clube, também foi suspenso pelo mesmo período.

Vale destacar que a punição é preventiva e ainda não há data para o julgamento.

Na manhã desta sexta, antes mesmo da decisão, Textor emitiu um comunicado oficial e deixou claro que ”não vai recuar”. Veja abaixo:

Nossa ambição fica clara em nosso nome… BOTAFOGO

Estou profunda e apaixonadamente investido nas comunidades que sirvo… e meu amor pelo povo do Brasil fica mais forte a cada abraço.

Fui convidado aqui, por pessoas de sabedoria em nosso governo, para ajudar a trazer mudanças ao belo jogo do Brasil… e não vou recuar quando for desafiado por pessoas em posições de poder que farão qualquer coisa, e dirão qualquer coisa, para se manterem firmes no poder.

Somos o BOTAFOGO. Estou aqui para atear fogo.

Entenda a história

Logo após o apito final de Bráulio da Silva Machado na derrota de virada do Botafogo por 4 a 3 para o Palmeiras, na última quarta-feira, John Textor, em entrevista à Rede Globo, atacou a arbitragem por conta da expulsão de Adryelson e falou em “corrupção”.

“O mundo inteiro viu, aquilo não foi um cartão vermelho, ele [Adryelson] chega na bola primeiro. Não tenho certeza nem se foi falta. E não é um cartão vermelho, ele mudou o jogo. Isso é corrupção, é um roubo”, disparou.

“Pode me multar, Ednaldo, mas você precisa renunciar amanhã de manhã”, seguiu.

“Esse campeonato virou uma piada. Ninguém merece isso. Os jogadores do Palmeiras não querem ganhar assim, nós não queremos perder assim. Senhores, vocês jogaram um belo jogo, mas isso é uma p*** de uma corrupção”, seguiu.

“Isso tem que mudar. E você precisa renunciar pelo bem do jogo. Pode me multar, me expulsar, mas é meu estádio, eu ainda estarei aqui”, complementou o magnata.

Ainda na última quinta-feira, a ESPN apurou que a CBF processará o empresário por conta de suas declarações. O Botafogo ainda lidera o Campeonato Brasileiro com 59 pontos, agora três a mais do que o Palmeiras, mas com uma partida a menos.

A equipe volta a campo no clássico de segunda-feira (6), contra o Vasco, em São Januário, às 19h, pela 32ª rodada.

Próximos jogos do Botafogo:

 

 

 

 

 

Outras postagens...

Tá decidido? Saiba qual ‘milagre’ será necessário para Flamengo ou Atlético-MG tirar o título do Palmeiras no Brasileirão

Paulo Rogério

Seleção masculina de handebol fica fora dos Jogos de Paris

Paulo Rogério

Empresários de quase 1500 jogadores vão à Justiça contra a CBF

Paulo Rogério

Leave a Comment