SportsManaus
FUTEBOLFUTEBOL AMAZONENSE

Técnico do São Raimundo-RR admite prioridade pelo regional, e considera São Raimundo-AM favorito na estreia da Série D

São Raimundo foi campeonato do primeiro turno do Campeonato Roraimense, mas segue na disputa do returno

Foto: Hélio Garcia / São Raimundo-RR

Considerado com a terceira melhor campanha ano passado na fase de grupos, o São Raimundo-RR, quer superar esse desempenho no Campeonato Brasileiro da Série D deste ano. A meta é ir mais longe possível na competição, não ficando pelo meio do caminho. Jogando fora de casa na estreia, o Mundão encara o São Raimundo-AM, no domingo, 17/4, às 15h (16h de Brasília), no Estádio Ismael Benigno, a Colina.

Há 12 anos no comando do São Raimundo, Chiquinho Viana, foi campeão do primeiro turno do Campeonato Roraimense e segue na disputa do returno. Para ele, mesmo jogando o estadual, ele considera o time amazonense favorito, pelo elenco montado, mas principalmente pela experiência vencedora do treinador Aderbal Lana.

– Sim, ajuda porque estamos em ritmo de jogo, mas os jogadores do Campeonato Amazonense, que foram recrutados pelo São Raimundo, todos estavam jogando o estadual. Foi feito uma seleção e foi pego o melhor treinador do Norte do Brasil. A gente tem essa vantagem do conjunto e da intensidade, porque estamos trabalhando, mas isso é uma vantagem mínima para um grande jogo, onde o favorito é o São Raimundo do Amazonas – admitiu ao SPORTS MANAUS

De acordo com o treinador do Mundão, a meta é realizar uma boa campanha, a mesma do ano passado ou até superior. Segundo ele, o fator financeiro é um detalhe determinante para a sequência da equipe.

– Por três vezes passamos da fase de grupos, mas quando vai para o mata-mata a gente fica pelo meio do caminho. O financeiro tem um poder muito grande nisso, se não tiver um poder de investimento bom, não segue em frente, especialmente na Série D, onde isso ocorre com os outros clubes menores – comentou, mas afirmou, que joga fora de casa para vencer.

– Nós vamos a Manaus para buscar os pontos, e não temos outra alternativa. Esse é o nosso objetivo maior. A gente tem que pontuar sempre, jogando dentro ou fora de casa – disse Chiquinho Viana.

 

 

Outras postagens...

“É uma decisão, tanto para nós quanto para eles”, diz técnico do Botafogo-PB sobre o jogo com Manaus

Paulo Rogério

Mesmo pressionando, Amazonas perde para o Paysandu por 2 a 1, que jogou no final com menos dois jogadores na Série C

Paulo Rogério

Trio da base é promovido ao elenco profissional

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...