SportsManaus
FUTEBOLFUTEBOL AMAZONENSE

A 180 minutos do acesso à Série A1 do Brasileiro Feminino, atleta do JC Itacoatiara acusa presidente da FAF, deputado Rozenha, de fazer politicagem e não liberar verba para o futebol feminino

Da redação do Sports Manaus, com informações da Assessoria de Comunicação 

Foto: Craviano Barros / JC

Uma jogadora do JC Itacoatiara, clube que disputa contra o Fluminense-RJ o acesso para a Série A1 do Campeonato Brasileiro, gravou um vídeo acusando o presidente da Federação Amazonense de Futebol (FAF), o deputado estadual Rozenha (PMB), de politicagem ao usar o nome das mulheres, não apoiar o futebol feminino e reter o repasse destinado pela Fundação Amazonas de Alto Rendimento (FAAR), de R$ 150 mil, para o clube sanar dívidas com as atletas e comissão técnica.

De acordo com a atleta, que não teve o nome revelado, Rozenha não tem interesse em liberar a verba dada pela FAAR, destinada pelo deputado estadual João Luiz (Republicanos). O valor destinado é de R$ 300 mil divididos para os clubes disputantes da Série A2, JC Itacoatiara e 3B. Além de empresário no ramo de calçado feminino e presidente da FAF, Rozenha é atual presidente regional do Partido da Mulher Brasileira (PMB).

“O senhor diz tanto defender a política das mulher e nós do JC Futebol feminino somos um clube em ascensão. Ficamos em segundo lugar na classificação, temos a melhor defesa e o melhor ataque e o senhor poderia liberar essa verba o mais rápido possível. É triste ficar dando murro em ponta de faca, é triste ir para o lado e para o outro e só ganhar tapinhas nas costas. Isso não enche barriga. Neste final de semana, vamos para o jogo do acesso contra o Fluminense e sem essa verba para as despesas vai ficar difícil para nós. Esse é o nosso pedido, deixe de politicagem”, criticou a atleta.

Rozenha foi eleito com a temática sobre a valorização das mulheres, mas recentemente quase não tem usado sua voz para repudiar a atitude do jogador Bruninho, por suspeita de agredir a companheira de 31 anos, na última segunda-feira (29). O jogador atuou no Manauara, vice-campeão Amazonense, clube filiado à FAF.

De acordo com fontes ouvidas pela nossa reportagem, diretores dos clubes que disputam o Brasileiro Feminino possuem uma insatisfação muito grande. Alguns chegaram a citar que estão “abandonados” e que promessas de campanha do presidente da FAF não cumpridas.

O JC Futebol enfrenta o Fluminense-RJ no próximo domingo (04), no Rio de Janeiro. O jogo decisivo do acesso está marcado para o domingo, dia (11), às 15h, no estádio Floro Mendonça, em Itacoatiara.

 

 

Outras postagens...

“O foco é sempre vencer e fazer um bom jogo”, afirma técnico do Tombense-MG sobre o Manaus na Série C

Paulo Rogério

Bragantino vence Santos, segue sonhando com título e afunda Alvinegro na zona de rebaixamento

Paulo Rogério

Ponte Preta desperdiça chances e é eliminada pelo Brasil de Pelotas na Copa do Brasil

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...