SportsManaus
FUTEBOLFUTEBOL NACIONALSÉRIE A

Yuri Alberto encerra jejum e Corinthians busca empate com Fortaleza em Itaquera

Da redação Sports Manaus, com informações da GAZETA ESPORTIVA – Iúri Medeiros – São Paulo, SP – 08/05/23 | 22:00 – 08/05/23 | 23:29

Foto: Rodrigo Coca / Agência Corinthians 

Corinthians empatou com o Fortaleza em 1 a 1 nesta segunda-feira, na Neo Química Arena, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. Em uma segunda etapa movimentada, o Leão do Pici marcou com Caio Alexandre, mas a equipe do Timão buscou o empate com Yuri Alberto, que voltou a marcar após nove jogos de jejum.

Com esse resultado, o Corinthians escapa zona de rebaixamento, com quatro pontos conquistados. A equipe comandada por Vanderlei Luxemburgo se encontra na 15ª colocação e se iguala em pontuação a Santos, Atlético-MG e Cuiabá. O Fortaleza, por sua vez, fica na quarta posição, com oito pontos.

Agora, o Corinthians encara o líder Botafogo na quinta rodada do Brasileirão. As equipe se enfrentam na próxima quinta-feira, às 19 horas (de Brasília), no Estádio Nilton Santos.

JOGO

O primeiro tempo foi marcado pela superioridade do Corinthians. Com a posse de bola equilibrada entre as equipes, a equipe comandada por Vanderlei Luxemburgo criou as melhores oportunidades e poderia ter ido ao intervalo com a vantagem. A primeira chance do Timão veio aos 16 minutos, em finalização de fora da área do Roni que acabou subindo demais.

Aos 30, Róger Guedes fez jogada individual pelo lado esquerdo e finalizou com pouco ângulo para a defesa de Fernando Miguel. Logo em seguida, Fausto conduziu a bola por dentro e chutou de fora da área, assustando a defesa do time cearense. Pouco tempo depois, Matheus Araújo infiltrou na área e arrematou, parando no goleiro adversário.

No último lance da primeira etapa, a melhor chance do Corinthians: Fagner recebe bola desviada da defesa do Fortaleza, invade a área, e finaliza com força na trave lateral de Fernando Miguel. A torcida sentiu o melhor jogo do Timão e fez bastante barulho na etapa inicial.

Já o segundo tempo começou de forma mais equilibrada, com o Fortaleza adiantando seus homens e tentando empurrar o Corinthians, enquanto os mandantes tinham o contragolpe em velocidade como principal arma. Em uma jogada de escape pela esquerda de Guilherme Biro nos primeiros minutos, Guedes recebeu em boas condições na área e finalizou em cima de Fernando Miguel.

O Fortaleza respondeu em seguida. Aos 10 minutos, Calebe ganhou de Fábio Santos na velocidade e cruzou para Lucas Sasha, que finalizou por cima de forma desequilibrada. Aos 16, novamente Calebe levou perigo com finalização de média distância, passando perto da meta de Cássio. Já aos 21, a melhor chance: Pikachu recebeu cruzamento rasteiro e encheu o pé, finalizando na trave.

Aos 29 minutos, Corinthians respondeu com Róger Guedes, que pulou mais que toda defesa dos visitantes e finalizou com muito perigo, aproveitando cruzamento de Fagner. No entanto, quem abriu o placar foi o Leão do Pici, com o volante Caio Alexandre. O jogador recebeu passe de calcanhar de Silvio Romero e finalizou na entrada da área, sem chances para o goleiro Cássio.

Após o gol sofrido, o Corinthians se abalou psicologicamente, mas ainda assim buscou forças para empatar. Após cruzamento de Róger Guedes, Fernando Miguel se atrapalhou com Bruno Pacheco e a bola sobrou livre para Yuri Alberto desencantar e empurrar a bola para o fundo das redes.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 1 X 1 FORTALEZA

Local: Neo Química Arena, em São Paulo-SP
Data: 08 de maio de 2023 (segunda-feira)
Horário: às 20h00 (de Brasília)
Árbitro: Ramon Abatti Abel-SC (Fifa)
Auxiliares: Guilherme Dias Camilo-MG (Fifa) e Rafael da Silva Alves-RS (Fifa)
VAR: Rafael Traci-SC
Cartões amarelos: Fausto, Murillo (Corinthians); Bruno Pacheco, Silvio Romero (Fortaleza)
GOLS: 
Caio Alexandre, aos 34 minutos do segundo tempo (Fortaleza); Yuri Alberto, aos 42 minutos do segundo tempo (Corinthians)
Público total: 
36.512
Renda: 
R$ 2.128.014,50

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Gil, Murillo e Fábio Santos (Matheus Bidu); Fausto (Paulinho), Roni e Matheus Araújo (Yuri Alberto); Adson (Romero), Pedro (Biro) e Róger Guedes
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

FORTALEZA: Fernando Miguel; Tinga, Brítez, Titi, Bruno Pacheco; Caio Alexandre, Hércules (Pikachu), Lucas Sasha (Zanocelo), Calebe (Pochettino); Moisés (Romarinho) e Thiago Galhardo (Silvio Romero)
Técnico: Juan Pablo Vojvoda.

 

 

 

 

 

Outras postagens...

Sobre o jogo da Copa do Brasil com Manaus, técnico do São Raimundo afirma: “É uma final”

Paulo Rogério

No trabalho da pré-temporada para o Campeonato Amazonense, lateral do Parintins afirma: “A expectativa é bem grande sobre a nossa participação”

Paulo Rogério

“Está no maior crescimento do país”, elogia novo técnico do Manauara o futebol local e diz que vai avaliar os jogadores contratados

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...