SportsManaus
FUTEBOLFUTEBOL AMAZONENSE

Sobre a montagem do Nacional, técnico Gilmar Popoca afirma: “Equipe competitiva e vencedora”

Foto: Divulgação / Nacional FC 

Anunciado como novo técnico do Nacional para a disputa do Campeonato Amazonense da Série A 2022, Augilmar Silva Oliveira, o Gilmar Popoca, 57 anos, terá pela frente sua primeira experiência no comando de um time profissional. Definido o início do estadual para o final de janeiro, mas ainda sem o calendário de jogos pela FAF, o trabalho para colocar o Naça no caminho das vitórias e títulos, já começou.

De acordo com Gilmar Popoca, ele não é empresário de jogadores, mas pela sua experiência e conhecimento no futebol em 15 anos de carreira, vai ajudar na formação da equipe do Leão da Vila Municipal. Para ele, é fundamental montar um elenco para o clube alcançar seus objetivos na temporada.

Não sou dessa área empresarial, mas a gente pode nas observações que temos e no conhecimento, fazer algum pedido de alguns atletas compor o elenco. A gente espera que seja extremamente competitivo e de qualidade. Estamos em conversa para que possamos encontrar e selecionar jogadores com perfil do Nacional, de times grandes e que queira realmente fazer da equipe competitiva e vencedora – explicou Popoca ao SPORTS MANAUS, mas ainda frisou.

– A gente vai buscar, a diretoria e todos nós, os atletas para fazer parte do Nacional. Tudo no clube é novo, e está tendo uma estruturação e entrando uma nova diretoria. A gente está buscando isso, ou seja, montar uma comissão técnica, os jogadores, mas claro, a gente pode detalhar alguma coisa, pedir alguma coisa em relação a alguns atletas – disse. 

Com passagem pelas divisões de base do Flamengo, mas como jogador em vários clubes e na base da Seleção Brasileira, inclusive com participação em Jogos Olímpicos, Gilmar está ciente de que é um grande desafio comandar o Nacional, em razão da tradição e na conquista de títulos.

– A vida é feita de desafios e o Nacional é realmente um grandíssimo desafio, onde a gente possa construir algo concreto. A gente quer trazer de volta, juntamente com a equipe de trabalho, o Nacional onde ele sempre mereceu estar. O clube já esteve presente por muitos anos nos meios dos grandes do futebol brasileiro. Temos uma região que ama o futebol, e é importante que consigamos, junto com o Nacional dar esse seguimento a trajetória vencedora sempre teve – salientou o novo treinador. 

 

Outras postagens...

“O Fast é uma equipe qualificada”, define o técnico do São Raimundo-RR, mas a meta é vencer pela Série D

Paulo Rogério

Em busca da primeira vitória na Série B, técnico do Amazonas avalia jogo com o Santos: “Temos que também se impor”

Paulo Rogério

Com grande atuação de Oliveira, Rio Negro empata com Operário pelo Amazonense da Série B

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...