SportsManaus
COPA VERDEFUTEBOLFUTEBOL NACIONAL

Técnico do Brasiliense-DF aposta na base para garantir a vaga diante do Luverdense-MT na Copa Verde

No ano passado, o Jacaré chegou até às quartas de final, mas foi eliminado pelo Nova Mutum-MT.

Foto: Luã Tomasson/Brasiliense FC

Campeão na temporada de 2020, o Brasiliense-DF começa sua caminhada em busca do bi para reviver os bons momentos de conquistas e glórias da Copa Verde, mas ciente da competitividade da competição nacional. O primeiro desafio do Jacaré com a Luverdense-MT, neste sábado, 29/10, às 21h (de Brasília), no Estádio Municipal Passo das Emas, na cidade Lucas do Rio Vale, no interior do Mato Grosso. Ano passado, a equipe foi eliminada pela equipe Nova Mutum-MT, nas quartas de final, nas penalidades.

De acordo com o técnico Luan Carlos, o Brasiliense está preparado para a partida fora de casa e tendo pela frente um adversário muito difícil. Segundo ele, o elenco tem potencial e experiência suficiente para conquistar a vaga.

– É uma base forte, é uma equipe experiente, que entende bem a competição que vamos disputar, conhece também o campeonato estadual, que está por vir. Já temos uma base, isso é muito importante e mantivemos uma estruturação. A gente sabe que o caminho é esse, e a gente preza por essa continuidade, porque sabe que isso vai potencializar o rendimento da equipe – comentou ao SPORTS MANAUS, mas ainda citou.  

– A gente sabe da força do Luverdense, é um clube muito tradicional, é uma camisa muito pesada, montou um elenco muito forte e competitivo. A gente entende o favoritismo deles, estão jogando em casa, saem na frente em relação a isso. A gente vai lá com muita humildade, e trabalhamos muito para tentar surpreender o adversário – completou Luan.

Para buscar a classificação fora de casa, o comandante do Jacaré realizou todo um trabalho de monitoramento do adversário para montar seu esquema de jogo.

– Nós temos algumas informações do Luverdense. A gente sabe que é um time que foi muito bem montado com jogadores, que tem características muito interessantes. É um time rápido, que consegue jogar muito em profundidade, ou seja, vamos ter uma parada dura. Trabalhamos muito para adaptar um pouco o modelo de jogo para conseguir entrar de forma bem competitiva nesse jogo – revelou o treinador.

 

 

 

Outras postagens...

Com duas falhas do goleiro, Amazonas faz o placar, mas São Raimundo joga melhor no segundo tempo e empata pela Série D

Paulo Rogério

“Está no maior crescimento do país”, elogia novo técnico do Manauara o futebol local e diz que vai avaliar os jogadores contratados

Paulo Rogério

Em sua primeira experiência no profissional, Fábio Alves será o técnico do Librade na Série B do Amazonense

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...