SportsManaus
FUTEBOLFUTEBOL NACIONALSÉRIE C

“Temos toda a capacidade de reverter”, diz o técnico do Remo sobre a final do BR Feminino A3 com Mixto-MT

Na primeira partida da decisão, as Leoas perderam por 2 a 0, em Belém.

Foto: Sandro Galtran/ASCOM Remo

Acreditar no potencial do grupo e nunca desistir de buscar seu objetivo. Com esse pensamento, o Clube do Remo vai lutar pelo título inédito do Campeonato Brasileiro Feminino A3. Após o revés sofrido em casa para o Mixto-MT, o trabalho na semana foi focado para reverter a vantagem, mas principalmente conquistar uma grande vitória na partida de volta, no domingo, 25/6, às 11h (de Brasília), na Arena Pantanal, em Cuiabá. No primeiro confronto, as meninas da Leoa perderam por 2 a 0, em Belém.

De acordo com o técnico Mercy Nunes, no primeiro confronto a forte chuva prejudicou muito o desempenho da equipe, além disso, faltou mais capricho na finalização. Para ele, tudo isso foi corrigido para que o time consiga seu objetivo.

– O que temos de trabalhar é a finalização. Não podemos perder os gols que perdemos aqui em Belém, porque poderíamos ter empatado a partida e até mesmo virado o jogo. Vamos trabalhar mais ainda esse controle. Pelo jogo ser de dia, não vamos ter esse problema de chuva, como tivemos aqui em Belém – comentou ao SPORTS MANAUS, mas ainda acrescentou.

– A equipe vai manter o ritmo e a pressão que fizemos aqui. Temos toda a capacidade de reverter o quadro, temos potencial, qualidade técnica para chegar lá em Cuiabá e fazer uma ótima partida para empatar ou fazer os três gols, que garante o nosso título. Nós estamos com muita confiança no trabalho realizado até aqui – disse Mercy.

Ciente de que terá pela frente uma equipe muito difícil e qualificada pela campanha até agora no campeonato, o comandante das Leoas, afirmou que o elenco já passou por outras situações iguais e conseguiu sair vencedor.

LEIA MAIS:

– Vimos o potencial do Mixto. É uma equipe muito organizada. O que podemos fazer para desfazer esse quadro é jogar de forma corajosa, dedicada em busca do gol e acreditando em nosso potencial. Já falei com as nossas atletas, derrubamos dois invictos, como o Recanto da Criança e o Vf4. O Remo está acostumado a jogar com equipes que estão invictas – salientou o treinador, mas ainda citou.

– O Mixto está com esse potencial, e essa qualidade dentro de casa invicto, mas estamos confiantes que podemos reverter esse quadro e vamos para Cuiabá com a convicção de colocar em prática nosso futebol – finalizou Nunes.

 

 

 

Outras postagens...

Na partida com Manaus pela Série C, novo reforço do Vitória diz: “Teremos um jogo difícil, mas precisamos do resultado”

Paulo Rogério

Dirigente da FAF confirma nove equipes na Série B, mas depende da liberação de estádios para o início da competição

Paulo Rogério

“Reconhecimento”, afirma presidente da Ceaf sobre a nova convocação de Anne Kesy da FIFA pela Conmebol

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...