Apesar de jogar em casa com Nacional, técnico do Paysandu não considera favorito na Copa Verde

134

Foto: Vitor Castelo/Paysandu

Depois da vitória na primeira partida de 1 a 0, o Paysandu joga a volta em casa com Nacional, pelas oitavas de final da Copa Verde, nesta terça-feira, 20/8, às 20h30 (de Brasília), no estádio da Curuzu, em Belém. Com um simples empate, a equipe garante vaga nas quartas de final. Já o Nacional precisa ganhar com a diferença de dois gols para seguir na competição.

Vice-líder no grupo B do Brasileiro da Série C, com 27 pontos, atrás apenas do Juventude-RS com a mesma pontuação, mas pelo critério de desempate, o Papão venceu o Luverdense-MT por 3 a 1 fora de casa na última rodada e joga com arquirrival Remo, no próximo domingo, 25/8.   

Mesmo jogando na Curuzu, o técnico Hélio dos Anjos, não considera o Paysandu favorito. Para ele, isso só pode ser concretizado quando terminar a partida, pois antes tudo pode acontecer e futebol tem suas surpresas em campo.

Treinador admitiu que vai observar alguns jogadores na partida com Nacional (crédito: Jorge Luiz/Paysandu)

– O Paysandu não é favorito, eu sempre digo, só pode falar que é favorito depois do jogo, antes disso todo mundo tem o direito de sonhar. O Nacional chega aqui sonhando e nós também sonhando, porque queremos dar esse presente para torcida. Mais uma vez peço, que o torcedor compareça, venha para o estádio para assistir um bom jogo – finalizou ao SportsManaus, mas disse pela necessidade do resultado, aguarda o Naça jogando o tempo todo para frente.

– Assisti dois jogos do Nacional antes de jogar com a gente. O time foi altamente ofensivo e na nossa partida foi também. Do jogo passado até esse agora que vamos fazer, eles não jogaram oficialmente, ou seja, o nosso acompanhamento é do jogo com a nossa equipe e estamos esperando um time ofensivo. Eles tem que brigar por 2 a 0, e vejo que vão vir ofensivamente, mas estamos preparados, caso vir defensivamente, nós também estamos preparados – completou.

Assim como foi na partida em Manaus, o comandante do Papão deve aproveitar para observar alguns jogadores. Segundo Hélio dos Anjos, é importante aproveitar esse momento para testar algumas situações, mas sempre respeitando o adversário.

– Independente da minha escalação que vai ter muita coisa boa, peço para torcida entender, porque tenho que fazer algumas observações. Uma vale a pena fazer que envolve jogadores da defesa, mudando funções, mas é importante fazer, porque tenho que pensar nos cartões amarelos e no futuro do Paysandu – justificou.



Paulo Rogério

I live in Brazil, in the city of Manaus, which hosted 2014 World Cup matches, the Olympic 2016 men's and women's football tournament. I'm Paulo Rogério Veiga, 51, a reporter, journalist and owner of sports portal www.sportsmanaus.com.br. I would like to inform you that I have received material from FIFA for 35 years, in addition to Conmebol and UEFA. I have also been editor of globoesporte.globo.com/am/ portal. I am working as a press and publicity advisor to leverage your company, product, brand, your soccer career, whether player, coach, club, manager, any professional that Works and conducts business in football. I am a professional / base player agent and a soccer coach. I have contact with agents, international agencies, academies, intermediaries, scoutings, among others in Brazil and in world football, including with signed contract. Another work I do is to attract potential investors to sponsor clubs in Brazilian football, which seek to gain their place in the regional, national and even international scenario. Contact us. E-mail: paulo.imprensa@hotmail.com pauloimprensa@gmail.com Contact: +55 (092) 3629-0651 (office) +55 (092) 99171-9226 (live / watsapp). Leia mais em sobre o editor clicando aqui.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.